Cento e trinta pessoas foram resgatadas neste verão nas praias de Maricá

Da redação | João Henrique – Em reunião na sede da defesa civil de Maricá para apresentar o plano de contingência para as associações de moradores de Maricá, o subsecretário Jorge Braga informou o número dos salvamentos nas praias de Maricá neste verão, realizados até o dia da reunião, 12 de janeiro.
Plano de Contingência foi apresentado pela defesa civil.
(Foto: João Henrique | Maricá Info)

Segundo o coronel Braga, aproximadamente 130 pessoas foram resgatadas nas praias da cidade, pela Defesa Civil e pelo Corpo de Bombeiros. A maior parte dos casos é causado pois os banhistas não respeitam a sinalização.

Em Itaipuaçu o mar é fundo e há diversas áreas de refluxo, onde o mar literalmente puxa o banhista para o mar.
Foram colocados novos postos de salva-vidas da defesa civil nas praias de Maricá, como na Rua 107 em Cordeirinho.

Plano de Contingência

Na reunião, o subsecretário também destacou a criação de NUDECS (Núcleos de Defesa Civil), preconizada pela lei federal 12.608, como essencial para o trabalho preventivo junto às comunidades. “Em Maricá, serão implantados esses núcleos em cada bairro ou associação de moradores. Eles serão formados por voluntários que passarão informações preventivas para a Defesa Civil. Teremos em todas as regiões os porta-vozes da comunidade. Os núcleos funcionarão como ponto de apoio pré-determinados para que, em casos de emergência, todos saibam para onde devem ir”, ressaltou Fábio, acrescentando que serão realizados cursos de capacitação para que essas lideranças locais saibam como agir em casos de emergência ou calamidade pública sem entrar em pânico. O primeiro curso será realizado em Inoã, em data e local a serem definidos.

A Defesa Civil aproveitou a reunião e distribuiu folhetos informativos com as principais ações da entidade. Presente ao encontro, a vice-presidente do Conselho Comunitário de Segurança, Anna Maria Carvalho Quintanilha, elogiou a oportunidade que esses encontros dão à população de ampliar o diálogo com o poder público. “A reunião foi excelente. Estamos muito satisfeitos com as ações apresentadas e dispostos a colaborar para que possamos solucionar os problemas de Maricá, principalmente no que diz respeito às áreas de risco”, destacou a vice-presidente.

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline