Maricá: Fechamento das pistas do aeródromo pode ter causado queda de avião

Duas pessoas morreram em uma queda de uma aeronave na tarde da última segunda-feira (21) em Maricá, na região metropolitana do Rio de Janeiro.

Segundo profissionais da área, a aeronave estava com problemas e havia tentado pousar nas pistas do aeródromo municipal de Maricá, porém, não obtiveram êxito, pois poderia haver viaturas da Guarda Municipal impedindo os pousos.

Foto flagra o momento em que carros da Guarda Municipal ocupam a pista do aeródromo municipal de Maricá. (Foto: Internauta | Maricá Info)
Foto flagra o momento em que carros da Guarda Municipal ocupam a pista do aeródromo municipal de Maricá.
(Foto: Internauta | Maricá Info)

Ao tentar arremeter e tendo um problema na aeronave, o piloto Adelmo Louzada de Souza, de 46 anos, não conseguiu estabilizar a aeronave, caindo na Lagoa de Maricá a cerca de 5km do aeródromo municipal.

Ouça: Piloto diz que testemunha viu avião arremeter por causa de carro da prefeitura que bloqueava pista de aeroporto.

Pista fechada?

A Prefeitura de Maricá informou através de nota que as pistas continuam abertas, não tendo havido até o momento qualquer ação por parte do poder público de solicitar à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a sua interrupção. Ainda segundo a nota, a pista vem sendo utilizada normalmente por aeronaves em instrução não baseadas no local.

Bombeiros auxiliaram no resgate dos dois corpos na queda de um avião na Lagoa de Maricá. (Foto: João Henrique | Maricá Info)
Bombeiros auxiliaram no resgate dos dois corpos na queda de um avião na Lagoa de Maricá.
(Foto: João Henrique | Maricá Info)

Mas não é isso que mostra diversas fotos desde o dia do acidente de 11 de setembro em que outra aeronave caiu no Centro de Maricá. As imagens mostram carros da Guarda Municipal sobre as pistas, podendo causar sérios riscos a ocupantes de aeronaves que tentarem pousar em Maricá.

O caso da queda de uma aeronave na segunda-feira (21/10) que matou o piloto Adelmo e o Juiz de Direito Carlos Alfredo Flores da Cunha, de 48 anos, foi registrado na 82ª DP (Maricá). Peritos da Aeronáutica estiveram no local do acidente durante a noite. De acordo com a ANAC, a pista do aeródromo de Maricá está aberta e qualquer objeto colocado na pista para dificultar ou impedir o pouso de aeronaves é crime.

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

6 comentários em “Maricá: Fechamento das pistas do aeródromo pode ter causado queda de avião

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline