Maricá: Vereador pede explicações sobre condutas de agentes de segurança

Para vereador, funcionários da Secretaria Adjunta de Segurança responsáveis pelo trabalho de ordenação com o trânsito não tratam bem os cidadãos e pede educação.

Na sessão plenária da tarde desta segunda-feira (09), o vereador Helter Ferreira (PT) cobrou explicações sobre a conduta dos agentes da Secretaria de Segurança que estão trabalhando rebocando os veículos estacionados irregularmente. Helter, que é da base do governo, cobra explicações da Secretaria de Segurança, que agora é responsável pelo trânsito. “Nós somos governo, nós não temos aqui oposição, mas não podemos ter aqui omissão. Está sendo feito, está sendo conversado, já teve pessoas conhecidas minhas (sic) que foram mal abordadas. Eles tem que ter no mínimo educação.” Disse o vereador, que é vice-presidente da Câmara de Vereadores de Maricá.
Helter Ferreira também questiona sobre qual o critério de rebocar os carros para o depósito legal. “Qual o critério? Onde chegou, o cara tá chegando para pegar o carro. Tomar a chave da mão de um senhor, como aconteceu, todo mundo é sabedor disso.” Disse o vereador.
Estacionar em local proibido é infração média, e, além de gerar multa (R$ 68), o proprietário ainda poderá ter o carro rebocado e terá que arcar com as despesas com o reboque (R$ 226,30), com a diária do Pátio Legal, que custa (R$ 113,15) e ainda leva 4 (quatro) pontos na carteira. Por exigência do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), o motorista também terá de apresentar documentos que comprovem a titularidade do bem e um Nada Consta sobre outras multas que pode ser obtido na página do Detran-RJ na internet para retirar o veículo do depósito, localizado às margens da RJ-106 na altura do km 22.

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

3 comentários em “Maricá: Vereador pede explicações sobre condutas de agentes de segurança

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline