Início Notícias de Maricá Maricá: Alianças políticas para as eleições de 2016 começam a ser feitas

Maricá: Alianças políticas para as eleições de 2016 começam a ser feitas

Reportagem: João Henrique

Faltando mais de um ano para as eleições do ano que vem, as alianças políticas já começaram a ser feitas. De ambos os lados, políticos estão tendo conversas para formar as chapas que irão disputar a prefeitura de Maricá.

Como publicamos na última quarta-feira, 22, cinco nomes já despontam na briga pela prefeitura de Maricá. Alguns deles já estão definindo até o vice da chapa, como é o caso de Marcelo Delaroli, dentista de 36 anos. Conversamos com o suplente de Deputado Federal na tarde desta quinta-feira (23), que nos informou que está tendo conversas com vários possíveis candidatos a ser o seu vice na chapa.

Marcelo Delaroli e Hélcio Ângelo estão conversando e poderão formar chapa.
Marcelo Delaroli e Hélcio Ângelo estão conversando e poderão formar chapa.

De acordo a coluna “Extra, Extra”, de Berenice Guerra no jornal Extra, o ex-deputado Hélcio Ângelo (PRTB) aceitou ser o vice na chapa de Marcelo Delaroli (por enquanto, no PR). A conversa teria acontecido no último domingo (19).

Do outro lado, o prefeito Washington Quaquá (PT) ainda não declarou publicamente quem será o seu candidato à sucesso, mas segundo informações de pessoas próximas à Quaquá, o nome já foi escolhido: Fabiano Horta. O candidato a vice na chapa seria do PMDB, já que essa é a palavra do presidente da Alerj, Jorge Picciani.

Um nome para ser candidato a vice na possível chapa PT-PMDB é o ex-deputado estadual Tucalo, mas ele nega a informação. Tucalo andou sumido do cenário político e agora está retornando, pelo PMDB, através do vereador Filipe Bittencourt (PMDB).

Possível chapa com Fabiano Horta (PT) e Tucalo no PMDB poderá ser realidade.
Possível chapa com Fabiano Horta (PT) e Tucalo no PMDB poderia ser realidade, mas o ex-deputado nega a informação.

Horta é Deputado Federal licenciado e obteve mais de 15 mil votos em Maricá nas últimas eleições. Com 40 anos de idade, o médico veterinário Fabiano Horta ele é de família tradicional da cidade e milita desde jovem na política.

O pré-candidato a prefeito pelo PSL, o empresário Robson Giorno disse ser contra alianças políticas, mas que está tratando com uma ilustre mulher da cidade para ser a sua vice. “Para realmente fazermos a diferença e não termos vínculo com o passado sou contra as alianças com esses políticos que roubam a riqueza da cidade e o futuro da população. Não adianta falar que é o novo e ter família e pais políticos “alianças” com o passado.” Disse.

Outro que ainda está em conversas para definir o seu vice na chapa é o pré-candidato do Partido Social Cristão, Paulo Feijó. Ele se declarou candidato pelo PSC, disse ser oposição ao governo e está disposto a conversar com quem desejar somar no projeto.

4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui