Niterói: Traficantes do Morro do Estado são presos dentro de hotel

Criminosos do Morro do Estado, em Niterói, na região metropolitana do Rio, foram presos nesta segunda-feira (19) dentro do Hotel Danúbio, na rua Padre Anchieta, por policiais militares do Grupamento de Ações Táticas (GAT D) do 12º BPM sob o comando do Tenente Coutinho.

Com os traficantes, identificados como William Freitas da Costa, vulgo Orelha; Patrique Assis dos Santos, vulgo PT; Luiz Carlos da Silva Gadelha, vulgo Gadernal e Davi da Conceição Silva, vulgo Zóio; e outros dois menores de idade foram encontrados uma sub metralhadora calibre 9mm com um carregador de 30 e 29 munições; uma pistola FN Browning Inox 9mm de fabricação argentina e numeração raspada com 13 minuções; uma pistola Girsan de fabricação turca 9mm com numeração raspada e 15 munições, 237 tabletes de maconha; 122 sacolés de cocaína e 91 pedras de crack, além de 2 rádios transmissores. William é considerado o braço direito de Carlos José da Silva Fernandes, o Arafat, 36 anos, substituto do traficante Celso Pinheiro Pimenta, o Playboy, 32 anos, morto há meses pela polícia.

Segundo informações, Davi da Conceição Silva, vulgo Zóio, é o gerente da maconha no Morro do Estado, principal comunidade localizada no Centro de Niterói.

Todo o material foi apreendido e encaminhado junto com os presos para a Central de Flagrantes na 77 DP (Icaraí), na Região das Praias da Baía.

Equipe do GAT apreendeu drogas e armas.
Equipe do GAT apreendeu drogas e armas.

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline