Início Notícias de Maricá Niterói é a única cidade do Leste Fluminense com alto desenvolvimento socioeconômico

Niterói é a única cidade do Leste Fluminense com alto desenvolvimento socioeconômico

Maricá ficou apenas na 37ª posição (0,7306), que na região só ficou a frente de São Gonçalo, que registrou o pior desempenho da região, ficando na 75ª colocação.

O Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM) 2015, divulgado nesta terça-feira, dia 8, revela que, das 16 cidades do Leste Fluminense, apenas Niterói apresenta alto desenvolvimento socioeconômico. Além da liderança na região, a cidade ocupa a terceira posição no ranking estadual e a 192ª no país. Os demais municípios possuem nível de desenvolvimento moderado. O índice destaca ainda que, na comparação com a medição anterior, Niterói, Armação dos Búzios, Maricá, Iguaba Grande, Silva Jardim e São Gonçalo apresentaram evolução nos três indicadores analisados: Educação, Saúde, Emprego e Renda. Na direção oposta, Rio das Ostras, Tanguá e Arraial do Cabo apresentaram retração nas três áreas.

Criado pelo Sistema FIRJAN (Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro) para acompanhar o desenvolvimento socioeconômico do país, o IFDM avalia as condições de Educação, Saúde, Emprego e Renda de todos os municípios brasileiros. Em sua nova edição – com base em dados oficiais de 2013, últimos disponíveis – o estudo traz comparações com outros anos da série histórica, iniciada em 2005, e projeções sobre a evolução do desenvolvimento por conta da deterioração do cenário econômico.  

O índice varia de 0 (mínimo) a 1 ponto (máximo) para classificar o nível de cada cidade em quatro categorias: desenvolvimento baixo (de 0 a 0,4), regular (0,4001 a 0,6), moderado (de 0,6001 a 0,8) e alto (0,8001 a 1). Foram avaliados 5.517 municípios, que abrigam 99,8% da população. Ficaram fora do índice cinco cidades criadas recentemente, que ainda não possuem dados suficientes para análise, e 48 que não declararam ou possuem informações inconsistentes.

O Leste Fluminense se destacou em Emprego e Renda, com quatro cidades entre as dez melhores do estado nessa área: Niterói, Rio Bonito, Cabo Frio e Itaboraí. Elas também estão entre os cem maiores índices do Brasil em Emprego e Renda. Além delas, Armação dos Búzios e Saquarema estão na lista das 500 melhores avaliações do país. O estudo ressalta que Itaboraí foi o único município da região com alto desenvolvimento nesse indicador, ainda refletindo os investimentos que estavam presentes naquela região em 2013. Oito cidades possuem desenvolvimento moderado e sete têm desenvolvimento regular.

No IFDM Educação, as cidades de Casimiro de Abreu, Niterói e Iguaba Grande apresentaram alto desenvolvimento. As outras 13 possuem desenvolvimento moderado. Dos 16 municípios, 11 registraram avanço, com destaque para Armação dos Búzios (+8,1%). No índice de Saúde, as cidades da região também possuem desenvolvimento alto ou moderado. Em relação à medição anterior, o IFDM destaca o avanço de Itaboraí, que teve variação de 12,7% nesse indicador.

No ranking geral da região, depois de Niterói (0,8302 ponto), estão as cidades de Rio Bonito (0,7873) e Armação dos Búzios (0,7855). O último colocado é o município de Arraial do Cabo (0,6620).

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui