Maricá: Câmara aprova aumento dos salários do alto escalão

A Câmara dos Vereadores aprovou, na segunda votação, o reajuste de 31,89% nos salários do prefeito, vice-prefeito e secretários, nesta segunda-feira (5). Nove vereadores votaram a favor, um foi contra, e o presidente da Câmara, Chiquinho (PP), se absteve. Houve protestos contra o aumento durante a sessão. 

O salário do prefeito subirá de R$ 19,5 mil para R$ 25,7 mil, e os do vice e secretários vão de R$ 13 mil para R$ 17 mil.

Os vereadores Helter Ferreira (PT), Bubute (PV), Bidi (PR), Robson Dutra (PTN), Filipe Bittencout (PMDB), Tataí do Sacolão (PTB), Aldair de Linda (PT), Frank Costa (SD) e Adelson Pereira (SD). O vereador Felipe Auni (PSD) votou contra o aumento.

Redução de gastos

Em nota divulgada nesta terça-feira (6), a Prefeitura informou que, para a gestão de Fabiano Horta, está prevista a redução de secretarias, de 35 para 21 pastas. De acordo com o município, a redução significa uma economia aos cofres públicos de R$ 222 mil por mês, passando de R$ 660,3 para R$ 437,3 mil.

O município afirmou que não há reajuste dos salários, mas a recomposição dos subsídios com base na inflação dos últimos quatro anos, período em que os valores foram mantidos.
De acordo com a Prefeitura, a redução do número de secretarias implicará na queda do número de cargos comissionados, gerando uma economia que será revertida aos salários dos próprios comissionados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline