Maricá: Líder do governo na Câmara busca melhorias para a segurança pública

O líder do governo na Câmara de Vereadores, Fabrício Bittencourt (PTB) em entrevista ao ‘Maricá Info’ e em resposta ao vereador Filippe Poubel, informou que, junto ao prefeito Fabiano Horta (PT), está buscando melhorias para a segurança pública através do convênio do PROEIS.

“O governo atuará na área de segurança pública com ações sólidas reais e definitivas. Já estamos com o convênio do PROEIS pronto, sendo encaminhado para a polícia militar. Essa uma ação para definitivamente melhorar a condição de trabalho dos policiais e dar mais segurança para o povo da nossa cidade.” Comentou Fabrício.

Fabrício comentou que a prefeitura já disponibilizou um terreno para a construção de um Batalhão da PM emMaricá e que também se comprometeu a constrói o prédio do Batalhão, ficando a PM apenas responsável em destinar o efetivo. “Quero dizer que essa luta do nosso governo já vem desde a época do governo Quaquá. Com a luta da Deputada Zeidan e do então Deputado Federal e agora prefeito Fabiano Horta, onde no governo Quaquá fui secretário de segurança e acompanhei o empenho do prefeito em trazer o Batalhão para Maricá.” Disse Fabrício.

Fabrício Bittencourt foi Secretário de Segurança por mais de três anos em Maricá e também foi policial militar. “Quero aproveitar a oportunidade para dizer que trabalhei por 13 anos na Polícia Militar, onde em 2015 pedi baixa da corporação para seguir minha vida pública. Nove dos treze anos eu trabalhei em Maricá e conheço os problemas, principalmente o deslocamento de viaturas para abastecimento em Niterói, tirando as viaturas do policiamento na cidade e a escala escrava a qual a PM é a única instituição que ainda mantém a escala 24×48 onde o policial tem uma carga horária desumana de trabalho.” Concluiu o vereador Fabrício, que disse que as ações que solucionam os problemas da segurança pública são as ações definitivas.

Booking.com

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *