Maricá: Terreno baldio será transformado em horta comunitária no loteamento Manu Manuela

A comissão gestora do projeto de Hortas Comunitárias (secretarias de Agricultura, Pecuária e Pesca e de Economia Solidária e a Companhia de Desenvolvimento de Maricá – Codemar) discutiu nesta sexta-feira (10/03) a implementação do projeto. Uma área de 2,9 hectares (29 mil metros quadrados) no loteamento Manu Manoela será utilizada. Também ficou definido que o resultado da produção será dividido da seguinte forma: subsistência dos produtores e suas famílias; alimentos para a rede pública municipal (rede escolar, de saúde e outros), reduzindo substancialmente custos com aquisição de alimentos; e escoamento e comercialização do restante da produção.

Na próxima semana, técnicos e agentes do projeto, em conjunto com as famílias produtoras, iniciarão o trabalho de limpeza do terreno e coleta de amostras do solo para análise. Está sendo estudada a viabilização de um banco de sementes para o projeto. O edital do projeto viabiliza a destinação, a título precário, da agricultura em terras públicas não utilizadas. “Algumas hortas comunitárias já existem através de iniciativa particular. Esta área é a maior destinada até agora, pela administração municipal, e servirá de projeto piloto. A proposta prevê, de acordo com o desenvolvimento do projeto, seu desdobramento em outros bairros e áreas”, comentou a subsecretária de Economia Solidária, Adriana Cardoso. “Acredito que estamos no caminho certo. Essa parceria dará suporte a um projeto importante para as famílias da região, e para o município, de modo geral”, disse o secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Júlio Carolino.

Segundo o secretário de Economia Solidária, André Braga, um dos objetivos do projeto é a inserção dessas famílias como produtores urbanos, além do aproveitamento integral do que for cultivado. “Produção orgânica de alimentos, agregação de renda e abastecimento de equipamentos públicos (merenda escolar, hospital e outros), serão avanços na economia solidária e na saúde dos munícipes”, destacou André Braga. Também estavam presentes na reunião o presidente da Codemar, José Orlando, e controlador geral do município Joab Santana.

Booking.com

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *