Armas apreendidas podem ser utilizadas pelas polícias

Deputado Marcelo Delaroli oficializa às autoridades federais e estaduais do RJ a necessidade de cumprimento do Decreto 8938/2016

O deputado federal Marcelo Delaroli (PR-RJ) defende que todas as armas apreendidas em operações das polícias Militar e Civil no Estado do Rio de Janeiro sejam doadas para uso das próprias corporações. Ofícios com a solicitação foram enviados a autoridades federais e estaduais da área de segurança pública em caráter de urgência. A doação é viável e prevista no Decreto 8938/2016, da Presidência da República.

Somente na semana passada, em uma única operação na zona norte do Rio, a Polícia Militar apreendeu 32 fuzis. O deputado enviou ofícios aos ministros da Justiça e da Defesa, ao secretário Nacional de Segurança Pública, ao comandante do Comando Militar do Leste e ao Procurador-Geral de Justiça do Rio, para que seja viabilizada, em caráter de urgência, a doação dos armamentos apreendidos no Estado do Rio de Janeiro, especialmente os 32 fuzis.

Segundo Delaroli, é fundamental melhorar as condições de trabalho e de segurança dos policiais, inclusive através da aquisição ou obtenção de equipamentos e armas de fogo adequadas.

“É importante destacar a luta diária dos agentes de segurança pública que, apesar das péssimas condições de trabalho, desempenham arduamente a defesa dos cidadãos. Precisamos buscar todas as medidas necessárias para amenizar as dificuldades enfrentadas pelos policiais, melhorar as condições de trabalho e segurança deles”, explica Marcelo Delaroli.

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline