Maricá: Vereadores pedem mais fiscalização nas praias e lagoas

Na sessão ordinária desta quarta-feira (18) na Câmara Municipal de Maricá foi debatido um tema bastante importante para a cidade. Os vereadores comentaram a necessidade de criar mecanismos de segurança nas praias e lagoas da cidade. O vereador Marcus Bambam (PV) alertou que há frequentadores nas praias e lagoas pilando, irresponsavelmente, jet skis próximos aos banhistas. Ele explicou que já conversou com o secretário de Defesa Civil e de Postura para criar ações conjuntas para inibir essas irregularidades. Bambam ainda pedirá ajuda ao Corpo de Bombeiros. Ele sugeriu convênio entre Bombeiros e Marinha para facilitar a fiscalização.

“Subo à tribuna para falar de algo que me preocupa muito quando vou a Barra de Maricá. Vou falar da Barra, mas é um problema que se estende por toda a orla da praia e lagoa. Temos visto pessoas parando na beira da lagoa, estacionando carro, bebendo sua cerveja e fazendo “pega” com jet ski. Isso me preocupa muito”.

O vereador Dr. Richard (PT) sugeriu ordenamento no uso dos jet ski.
“Nossa cidade será agraciada com complexo hoteleiro e ele contempla parte de marina e podemos pensar em algo para ordenar”.

Marcinho da Construção (DEM) também opinou. Ele pediu que não fosse feita a proibição do uso do jet ski, mas pediu fiscalização.
“Entendo que também existe inversão de valores. Vemos que a fiscalização está muito em cima dos pescadores que sobreviviam dos peixes ali e não podem botar rede e usar tarrafa que é uma repressão tremenda. Não sou contra jet ski, tem que ordenar e ver se estão habilitados para isso”.

Ricardinho Netuno (PEN) foi além e pediu maior fiscalização de quadriciclos.
“Estão andando em local que tem banhistas, pessoal deitado na areia e pegando sol”.

Em resposta, Aldair de Linda (PT) explicou que já existe uma lei criada por ele proibindo a passagem dos mesmos nas areias das praias
“Fiz uma lei na legislatura passada proibindo o quadriciclo. Já existe a lei. Só falta o cumprimento”.

O vereador Ricardinho Netuno (PEN) pediu que as obras no calçadão do Recanto, em Itaipuaçu, sejam concluídas com mais presteza.
“Venho falar de duas indicações minhas que foram lidas. Já falei com alguns secretários e a primeira é sobre o calçadão no Recanto de Itaipuaçu. Essa obra foi realizada em governos passados, mas a obra não foi concluída. Não foi concretizada a obra inteira e a rede de iluminação pública que estava prevista no projeto e até hoje não foi instalada”.

O vereador Marcinho da Construção (DEM) pediu ordenamento no trânsito em Itaipuaçu. Ele explicou que motoristas estão parando em locais proibidos causando.
“Foi lida uma indicação minha para o terminal de Itaipuaçu. Estive conversando com alguns taxistas e pessoas que aguardavam ônibus e a maior reclamação é com a falta de respeito de motoristas que param na vaga do taxista ou no meio da rua. Gostaria que o Netto pudesse dar uma atenção maior ali e queria pedir a presença de um guarda municipal”.

Rony Peterson (PR) agradeceu a Secretaria de Obras por obras realizadas na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106) por obras para nivelar a pista na altura do quilômetro 22,5.

Falta d’água – Marcinho voltou a falar da falta de água no município e pediu a realização de uma audiência pública itinerante para discutir o assunto. O vereador Frank Costa (SDD) também pediu reunião com moradores.
“Fui procurado por diversas pessoas do Minha Casa, Minha Vida de Inoã e Itaipuaçu. É o cúmulo do absurdo. Já estão indo para mais de 25 dias sem uma gota de água. Acho que chegou a hora de tomar providência. Chamar o presidente da Cedae. Precisamos fazer audiência pública nos bairros”.

Saúde e Educação – O vereador Ismael Breve (DEM) elogiou o atendimento dado pela equipe médica no Hospital Municipal Conde Modesto Leal, no Centro. Ele ainda parabenizou a médica e secretária de Saúde, Simone Costa, pelo dia do médico.
“Venho para parabenizar pelo Dia dos Médicos. Quero dar o meu abraço à doutora Simone que tem trabalhado tão bem em nosso município. Às vezes vou ao hospital ver como andam as coisas e vejo um atendimento bacana. Não vou dizer de excelência porque temos um hospital pequeno, construído há muitos anos. Mas, vi pacientes contentes”.

O vereador Filippe Poubel (DEM) mais uma vez comentou sobre a saúde da cidade. Ele demonstrou insatisfação em saber que em Maricá não há um mamógrafo.
“Em pleno Outubro Rosa e não temos um mamógrafo para realizar exames na cidade. Recebo muitas reclamações e desde o início do ano venho reclamando isso em tribuna e não vi nenhuma atitude ser tomada para mudar o quadro. Uma ultrassonografia seja ela transvaginal, abdominal total ou mamária, estão demorando até seis meses para fazer. Um exame tão simples”.

O vereador Chiquinho (PP) mais uma vez pediu atenção quanto à falta de ônibus escolar.
“Tenho recebido muitas denúncias a respeito do ônibus escolar. Tem criança em Itaipuaçu e Itaocaia Valley que estão desde quarta-feira sem ir à escola. Eles estão tomando falta porque não estão indo”.

Fabrício Bittencourt (PTB) informou que levantará informações para resolver a questão.

Em resposta, o presidente da Comissão de Educação, Felipe Auni, mais uma vez salientou a necessidade de ter veículos alugados para a prestação de serviço. O parlamentar ainda aproveitou para falar de uma indicação legislativa que fez.
“Se os ônibus fossem alugados, se tivesse um problema ou quebrasse, era só substituir. Fiz alguns projetos de resolução para a prefeitura. Fiz uma indicação de um aplicativo, o Saúde mais Perto de Você. Ele vai possibilitar fazer a marcação de exame, rever seus exames. Todos os projetos vêm aproximar o povo do Executivo”.

Aldair de Linda parabenizou os médicos pelo Dia do Médico.

Ordem do Dia – Foi votado em segundo turno o Projeto de Lei do Poder Executivo que dispõe sobre as Diretrizes para a Elaboração e a Execução da Lei orçamentária de 2018. também foi votada emenda para incluir o Programa Viver bem na LDO. Ambos foram votados e aprovados em segundo turno.

Um comentário em “Maricá: Vereadores pedem mais fiscalização nas praias e lagoas

  • 19 de outubro de 2017 em 19:36
    Permalink

    Nós já pagamos tantos impostos no Brasil, aí vem um inteligente representante do povo bola uma idéia brilhante tirar o pouco dinheirinho do povo.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline