Início Notícias de Maricá Maricá: Proteção Animal tem nova coordenadora

Maricá: Proteção Animal tem nova coordenadora

A médica veterinária Milena de Almeida Melo Costa é a nova coordenadora de Proteção Animal da Prefeitura de Maricá. O foco do trabalho será a conscientização da população quanto à importância da castração, além do trabalho educativo junto ao público infantil sobre o respeito aos animais. Para isso, a coordenadoria acerta os últimos detalhes do convênio com a Faculdade de Veterinária da Universidade Federal Fluminense (UFF) para viabilizar castrações gratuitas.

Em paralelo, a Coordenadoria também atende às denúncias recebidas pelo telefone 2637-3926 e por mensagens através do telefone 99140-0674 da Ouvidoria geral da Prefeitura. Em 2017, foram mais de 50 denúncias de maus tratos. Apenas na primeira semana do ano já foram registradas cinco denúncias.

“Visitamos as pessoas denunciadas e explicamos que a intenção é orientar e colaborar em prol do bem-estar animal, e não julgar e punir aqueles tutores que muitas vezes têm boa vontade ao se responsabilizar por muitos bichos de estimação. E temos sido bem compreendidos nessa missão”, conta Milena Costa, afirmando que são poucos os casos em que há necessidade de intervenção policial. “O ser humano hoje está mais consciente e intervém contra a violência aos animais. A mídia está sendo importante na disseminação da causa”, completa.

Agendas importantes já estão pautadas como a realização de uma campanha com feira de adoção em 03 de fevereiro (na Praça Orlando de Barros Pimentel, das 9h às 15h) e a participação no Encontro Viver Bem / Edição Verão, da Coordenadoria de Bem Estar e Qualidade de Vida, em 28 de janeiro (na Praça de Araçatiba), também com feira de adoção.

Milena é filha do ex-prefeito de Maricá, Odenir Francisco da Costa, e especializada em Clínica e Cirurgia de animais de pequeno porte, em Meio Ambiente e em Saúde, e mestranda em Controle de Vetores pela Fiocruz, a trajetória profissional de Milena Costa é voltada para a saúde pública veterinária, além de já ter participado de ONGs de proteção animal e acompanhar de perto o movimento dos protetores independentes. A equipe da Coordenadoria conta com enfermeiros veterinários e protetores de animais com histórico de voluntariado na defesa da causa

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui