Início Notícias de Maricá Maricá: Vereador Marcus Bambam lê ofício que será enviado ao comandante do...

Maricá: Vereador Marcus Bambam lê ofício que será enviado ao comandante do 12º BPM

O vereador e presidente da Comissão de Segurança Pública, Marcus Bambam (PV), leu durante sessão ordinária ocorrida na Câmara Municipal de Maricá, o ofício que será enviado ao comandante do 12ºBPM (Niterói), Márcio Rocha, pedindo mudanças no sistema de segurança da cidade. No documento, que foi assinado pelos demais parlamentes, é pedido um reforço no Regime Adicional de Serviço (RAS), enviando mais policiais para trabalharem nos dias de folga na cidade de Maricá. Além disso, ele pede mais viaturas, pois a cidade recebeu apenas uma das 15 que foram destinadas ao batalhão.

O vereador Robgol (PT) também comentou sobre a segurança e pediu ação rápida da Secretaria de Estado de Segurança e da Viação Nossa Senhora do Amparo para inibir os aos inúmeros assaltos ocorridos dentro dos ônibus da companhia.

“Hoje começarei minha fala falando da situação que está deixando a população em pânico. São pessoas que trabalham no Rio ou Niterói e que sofrem assaltos todos os dias. As pessoas estão barbarizadas tendo seus pertences subtraídos. Até hoje não chamamos os responsáveis para prestar os esclarecimentos pela empresa. É cobrado um preço de passagem absurdo. Pelo tempo que isso vem ocorrendo tem que ser tomada uma atitude pela empresa ou pela Secretaria de Segurança”.

O líder do Governo, Fabrício Bittencourt (PTB), apresentou esclarecimentos acerca das denúncias apontadas na última sessão em que funcionários da empresa Kattak, prestadora de serviço da prefeitura, estariam sem os direitos trabalhistas em dia. “Nos reunimos com o pessoal da limpeza e ficou definido que o tíquete voltará a ser dado e as cestas básicas serão premiações”.

O vice-presidente Frank Costa (Solidariedade) pediu mais uma vez que seja implantado um posto do Detran na cidade. Ele ainda aproveitou para agradecer à prefeitura pela reforma da passarela de São José de Imbassai. “Quero pedir ao diretor do Detran da cidade para entrar em contato com o presidente do Detran porque é o cúmulo o que acontece aqui. O morador tem que vistoriar o carro em outro município. Queria que mandasse ofício pedindo isso”.

Trânsito e infraestrutura – O vereador Rony Peterson (PR) falou sobre o Maio Amarelo e a segurança no trânsito. “Ontem participei de uma campanha educativa com o Detran e a Guarda Municipal e venho trazer um alerta acerca da quantidade de acidentes de trânsito. Estamos no Maio Amarelo que é o mês que foi convencionado para alertar a sociedade. Eu trouxe uns números preocupantes. São mais de três mil vidas perdidas por dia no trânsito do mundo. Cerca de 90% dos acidentes que ocorrem hoje são por irresponsabilidade no trânsito, crianças no banco detrás sem cinto. A faixa etária de 15 a 29 anos é a faixa com mais mortes no trânsito”.

O vereador Ismael Breve (DEM) pediu atenção da prefeitura quanto a uma praça na localidade de Divineia, na Barra de Maricá. “Tem uma praça na Barra que sempre achei muito feia. Não ajuda nenhum morador de Maricá. Os moradores através de sua associação, fizeram um abaixo-assinado e me pediram que eu reivindicasse para que reformassem aquela praça, para colocar brinquedo para as crianças”.

Saúde – O vereador Ricardinho Netuno (Patriotas) mais uma vez pediu atenção da prefeitura quanto à saúde. “Pacientes do posto da Rua 83, em Itaipuaçu, fizeram uma manifestação porque tiraram o único ortopedista do posto. Busquei informação e a secretária de Saúde disse que o médico pediu demissão. Queria entender porque tantos médicos pedem demissão”.

O vereador Filippe Poubel (PSL) denunciou filas no Posto de Saúde Central, no Centro de Maricá. “Fila no Posto de Saúde Central. Eram 7 horas e uma fila dessas. Isso é uma falta de respeito”.

O vereador e presidente da Comissão de Saúde, Dr. Felipe Auni, esclareceu as denúncias apresentadas pelos vereadores. “Já questionei porque tantos colegas pedindo demissão. A questão salarial faz a diferença na hora da escolha. Temos municípios que pagam bem e outros não. Maricá paga bem. Temos um déficit no salário e já conversei com a secretária e eles já viram qual salário devemos adotar e fico feliz de saber que teremos base salarial bem diferente dos outros municípios. Não há falta de material, condição de trabalho. Sobre as filas, já falei com a outra sessão. A secretária disse que irá resolver. Com o processo seletivo vamos aumentar o número de funcionários”.

Ordem do Dia – Foi votada emenda ao Projeto de Lei de autoria do vereador Ricardinho Netuno, que dispõe sobre a instalação nos semáforos de sinais sonoros que permitam a facilitação do trânsito de deficientes visuais nas principais vias da cidade.

Foi votada moção de autoria do vereador Rony Peterson ao senhor Valdecir Nogueira Marins.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui