Mesmo com chuva, CEDAE deixa moradores de Maricá sem água

Água não chega as torneiras há semanas em bairros de Maricá.
(Foto: João Henrique | Maricá Info)

Da redação | João Henrique – Há semanas a CEDAE (Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro) está deixando moradores de Maricá sem água, mesmo com as últimas chuvas, que, como constatamos, encheu os reservatórios e o Rio Ubatiba – que abastece a cidade – a companhia deixa os moradores do Centro, Araçatiba, Itapeba, Mumbuca, Parque Eldorado, Araçatiba e diversos outros bairros da cidade, sem o fornecimento de água encanada.

A solução encontrada por moradores é a compra de caminhões pipa para encher os seus reservatórios e sisternas. O problema é que a dificuldade de adquirir um caminhão pipa aumentou com a demanda e a procura.
Vale lembrar que a água da chuva é imprópria para o consumo. Em Maricá, como é uma região litorânea, a água da chuva é carregada com partículas de sódio.
No entanto, a água da chuva está sendo a salvação de muitos que conseguiram reaproveitá para encher as suas sisternas, como é o caso da moradora de Itapeba, Joana Maria Raquel, 29 anos.
“Lá em casa nós aproveitamos a chuva para encher a sisterna. Como estamos sem água encanada, a sisterna tem sido a nossa salvação.” disse.

Do Rio Ubatiba e dos reservatórios da CEDAE, a água é encaminhada para a Central de Tratamento no Flamengo e depois segue através da força da gravidade para as casas e comércios.

Água não chega aos hidrômetros no Centro de Maricá. (Foto: João Henrique | Maricá Info)

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here