Início Maricá Assaltos à luz do dia assustam moradores de São José do Imbassaí

Assaltos à luz do dia assustam moradores de São José do Imbassaí

Da redação | Fabiano Novaes – Os moradores de São José do Imbassaí estão assustados com o crescimento da violência no bairro. A comunidade já vinha reclamando de diversos furtos a residência, principalmente no loteamento 26 de maio. Desta vez os marginais estão encontrando facilidade e ficando mais ousados, os bandidos tem praticado os assaltos à mão armada à luz do dia. Antes eles chegavam de motos para facilitar a fuga, agora é tanta facilidade que eles estão vindo de carro. Além de assaltarem comércio, existem diversos casos de assaltos a pedestres principalmente na rodovia Amaral Peixoto (RJ106).  Um destes assaltos a comércios gerou perseguição, trocas de tiro e um bandido morto.
Uma equipe é responsável pelo policiamento de São José do Imbassaí.
(Foto: GSV)

   A facilidade de trânsito e acesso no bairro que margeia a Rodovia Amaral Peixoto, associado a enorme área de atuação do DPO – de São José do Imbassaí, o pequeno efetivo que atua na região e constantes deslocamentos da equipe para atender ocorrência em outras localidades, levar documentações da 4ª Cia para o 12º BPM, fazer o abastecimento em Niterói, reforçar o policiamento no fórum em dias de audiência, deixam ainda mais deficientes a segurança do bairro.

   A área de atuação do DPO de São José inicia na estrada dos Cajueiros e vai até as proximidades da agência da FIAT no Parque Nancy, das margens da lagoa até a região das serras incluindo grande parte do retiro. Toda essa enorme área é coberta por apenas uma viatura. A cidade hoje possui somente 13 viaturas da PM, sendo uma viatura para atender cerca de 10 mil habitantes.

Área de atuação da viatura do DPO de São José. Clique para ampliar.

   O coronel Dias, comandante do 12º BPM, disse em uma reunião do CCS, não ser contrário a criação do Batalhão em Maricá, mas que quando tem a oportunidade pede tão somente o aumento de efetivo do batalhão, pois desta forma poderia melhorar o efetivo da 4ª Cia enquanto estiver no comando. Ao receber algumas críticas na rede social, o Cel. Dias disse que tem dado atenção diferenciada para Maricá. Falou ter sido o comandante que mais fez pela cidade. Demonstrando-se um pouco desconfortável com as criticas, pediu que às pessoas para que não fizessem apenas reclamações, mas sim, que dessem sugestões para a melhoria da segurança em nossa cidade.

   A nossa equipe, responsável por algumas reportagens sobre a fragilidade da segurança pública, ao expor os diversos casos de assalto no bairro de São José e de falta de policiamento, propôs ao comandante do 12º BPM, que em parceria com o BPRV, efetuasse novamente um policiamento preventivo na rodovial Amaral Peixoto (RJ106), onde a falta de viaturas patrulhando a rodovia e fazendo abordagem a elementos suspeitos tem dado liberdade de ação para os marginais. O Coronel Dias disse que este já era um de seus objetivos e se comprometeu em fazer este policiamento voltar a atuar em breve.  

1 COMENTÁRIO

  1. É necessário que a população faça o Boletim de Ocorrência, pois, somente isso dará a polícia a dimensão das ocorrências e tomar as devidas providências para prevenir e coibir novas ocorrências.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui