Início Itaipuaçu Maricá: Polícia Civil prende acusado de participação na chacina em Itaipuaçu

Maricá: Polícia Civil prende acusado de participação na chacina em Itaipuaçu

A Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu, na manhã desta terça-feira (21), Felipe Ferreira Carolino, apontado como integrante da maior milícia do estado. Zulu, como é conhecido, é homem de confiança do miliciano Wellington Braga, o Ecko.

De acordo com policiais da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), Zulu também foi responsável por arregimentar homens para a disputa entre milicianos e traficantes na Praça Seca, em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio.

O suspeito foi detido por posse de arma de fogo de uso restrito e cumprimento de mandados de prisão por organização criminosa.

Zulu foi preso em sua casa, em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio.

No momento da prisão, segundo os policiais, ele chegou a entrar em luta com os agentes para tentar fugir. Durante a ação, os agentes apreenderam um drone e carregadores.

Zulu foi um dos criminosos que participou da guerra entre traficantes e milicianos da Praça Seca. Em março do ano passado, imagens do Globocop flagraram criminosos trocando tiros em uma das vias mais importantes do bairro.

O vídeo mostra criminosos trocando tiros e bloqueando a via, que liga a Barra da Tijuca ao Aeroporto Internacional Tom Jobim. O Centro de Operações chegou a recomendar que a população evitasse a região.

Matéria: Felipe Freire, Fernanda Rouvenat e Marco Antônio Martins, TV Globo e G1 Rio

1 COMENTÁRIO

  1. Polícia só serve pra isso, prender quem tá trabalhando, fazendo o serviço sujo que a polícia não faz.
    Esse cara fez uma limpa nas regiões,valendo que a porcaria da polícia deveria fazer, mas como tem rabo preso e medo dos bandidos, preferem prender quem tá trabalhando em prol da comunidade.
    Solta o cara seus manes, homem trabalhador.
    Traficante e ladrão que é bom vocês não prendem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui