Início Educação Maricá receberá campus do I.F.R.J.

Maricá receberá campus do I.F.R.J.

A Secretaria Municipal de Aquicultura, Pesca, Agricultura, Pecuária e Abastecimento, está negociando um convênio para implantar em Maricá, um campus universitário.

Texto: Fernando Uchôa
Fotos: Divulgação

Confirmando a boa gestão realizada em apenas seis meses de atuação, a Secretaria Municipal de Aquicultura, Pesca, Agricultura, Pecuária e Abastecimento, está negociando um convênio para implantar brevemente em Maricá, um campus universitário para atender o ensino médio e superior no setor agropecuário.

A instituição provavelmente será o Instituto Federal do Rio de Janeiro, tido como referência no trabalho técnico de campo e nas pesquisas científicas do setor. O projeto está incluído nas parcerias que o governo federal vem realizando em relação ao ensino técnico e profissionalizante, no país. Exemplos recentes são os campus do Rio de Janeiro (Maracanã), Baixada (Nilópolis e Nova Iguaçu) e municípios fluminenses (Volta Redonda).

Para avaliar as condições para instalação do campus em Maricá, virá ao município nos dias 18 a 20 de setembro, o coordenador nacional de Pesca, Portos e Navegação do Ministério da Educação (MEC), professor Edmar Almeida de Moraes. Após a visita de prospecção, um relatório será encaminhado ao MEC, para possível implantação do campus técnico-científico, que oferecerá cursos de agropecuária, com níveis médio, de graduação, e até de pós-graduação.

“Outra alternativa é o Centro Vocacional Tecnológico – CVT -, para a área. Estamos caminhando de projeto em projeto, investindo no ensino e na produção rural. Outra parceria que estamos estudando é a do Horto-Escola, com a UFRJ. Entregamos o projeto do Núcleo de Capacitação Agrícola, com alguns ajustes, para a Secretaria Municipal de Educação, para avaliação do prognóstico. Se aprovado, iniciaremos as obras na E.M. Militão Frederico Almeida, no Silvado, ainda este ano, para iniciarmos os cursos (Fruticultura, Cunicultura, Apicultura, Caprinocultura e Ovinocultura), já em janeiro de 2011. A Pesca e a Piscicultura estão em alta. Fazemos parte da diretoria do Colegiado da Pesca-RJ, e estamos realizando estudos, para implantar projetos piscícolas, que gerarão emprego e renda, além de agregação de valor para os produtores do município”, concluiu.
Fonte: (*) Secretaria Municipal de Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui