sábado, 4 julho, 2020
22.5 C
Maricá

Mamógrafo móvel realiza exames em Niterói até 31 de janeiro

O município de Niterói recebe até o dia 31 de janeiro o Mamógrafo Móvel da Secretaria de Estado de Saúde. O mais novo equipamento do Serviço Móvel de Imagem do Governo do Estado disponibiliza exames digitais de mamografia e ultrassonografia, além de biópsias mamárias, a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). O projeto contou com investimentos da ordem de R$ 2,4 bilhões no equipamento. A população do Rio de Janeiro conta também com dois Tomógrafos Móveis e uma Ressonância que rodam todas as regiões do estado.

A unidade itinerante atende das 8h às 17h de segunda à sexta; e das 8h às 15h aos sábados. Pacientes que residem em São Gonçalo, Itaboraí e Maricá também serão beneficiados com a chegada do equipamento. A unidade está instalada na Rua Joaquim Costa Ribeiro, Centro.

A iniciativa tem por objetivo garantir diagnóstico precoce do câncer de mama, tipo mais comum entre mulheres no Brasil, que registra cerca de 13 mil mortes por ano. A Região Metropolitana II foi escolhida para dar início ao projeto porque é onde tem o menor percentual de exames de mamografia realizados em mulheres na faixa etária indicada para o rastreio.

Indicação para o exame – O Instituto Nacional de Câncer (Inca) recomenda que todas as mulheres acima de 50 anos devem fazer mamografia a cada dois anos. Quando a paciente tem caso de câncer de mama na família, o exame deve ser feito anualmente. A Lei 11.664 determina que o SUS deve assegurar a prevenção, a detecção, o tratamento e o seguimento do câncer de mama.

– Com a iniciativa do Mamógrafo Móvel, o Governo do Estado está auxiliando os municípios do Rio de Janeiro a cumprir a sua parcela de responsabilidade na oferta de diagnóstico precoce de câncer de mama – destacou a subsecretária de Unidades Próprias da Secretaria de Estado de Saúde, Ana Neves.

Capacidade – O aparelho está preparado para realizar diariamente 60 mamografias e 30 ultrassonografias, além de 25 biópsias semanais. A previsão é que beneficie mensalmente 2 mil mulheres, realizando mais de 1.500 mamografias, 600 estudos ultrassonográficos e 100 procedimentos de biópsias. O serviço vai permanecer cerca de 15 dias em cada município. Os exames duram 20 minutos cada.

Agendamento – Os agendamentos da mamografia e da ultrassonografia são feitos pelas secretarias municipais de Saúde, que recebem o pedido médico do paciente, encaminham a planilha com as demandas para o serviço do Governo do Estado e informam os pacientes sobre a data, hora e local do procedimento. O paciente que possui aparelho de celular, recebe essas informações via torpedo telefônico até 48 horas antes do dia marcado. Após um período de 10 a 15 dias úteis, os laudos são entregues ao município de origem dos pacientes.

Inspiração em projetos de sucesso – A unidade móvel foi inspirada nos Tomógrafos e Ressonância Magnética Móveis, projetos da SES que já realizaram, juntos, mais de 110 mil exames desde 2009. Assim como nos dois serviços, o Mamógrafo Móvel foi instalado numa carreta especial que é composta por 2 mamógrafos, 1 aparelho de ultrassonografia e sistema informatizado que permite a avaliação e a liberação do laudo na unidade.

– Os exames são marcados pelas secretarias municipais de saúde e vamos atender não só a cidade onde o mamógrafo ficar fisicamente, mas os municípios do entorno, atendendo a todo o estado. O mamógrafo móvel segue a premissa que já viemos fazendo com os outros equipamentos móveis: não é a população que tem que ir atrás da saúde, mas nós é que levamos a saúde até a população – resumiu o coordenador de unidades móveis da Secretaria de Estado de Saúde, Jorge Ataualpa.

[Fonte: Imprensa RJ]

78,417FansLike
27,269FollowersFollow
2,719FollowersFollow
984SubscribersSubscribe