sexta-feira, 29 Maio, 2020
22.5 C
Maricá

Maricá: Produtos piratas voltam para as ruas do Centro

Pouco mais de três semanas depois da proibição de camelôs comercializar produtos piratas como CDs, DVDs, Óculos e bolsas, estes tipos de produtos voltou a ser comercializado no Centro da cidade.

A internauta Sônia Gomes Peixoto, de 32 anos, relatou que produtos como bolsas falsificadas, relógios e óculos piratas voltaram para as prateleiras de camelôs na rua Ribeiro de Almeida, no Centro da cidade.

A proibição ainda está em curso e é dever da secretaria de Secretaria de Desenvolvimento Urbano fiscalizar o tipo de produto que estão sendo vendidos nestes camelôs.

O comerciante José Sobrinho, de 36 anos, comentou que está sofrendo baixas nas vendas com a comercialização de produtos piratas nas ruas. “Vendo em minha loja bolsas originais, pago impostos e frete, sem contar energia elétrica e aluguel. Na rua, as bolsas falsificadas são vendidas com valores até 70% menor e eles não pagam impostos, além de usar o espaço pública.” Desabafou.

Segundo a Prefeitura de Maricá, há um projeto para realocar os camelôs no Centro da cidade. Um pequeno camelódromo será criado ao redor da praça Conselheiro Macedo Soares e em seus arredores, sendo distribuídos de maneira a não prejudicar a passagem de pedestres. Ainda segundo a Prefeitura, todos serão cadastrados e terão uma identificação em suas barracas, contendo o nome do proprietário e o tipo de produto comercializado.

77,907FansLike
27,269FollowersFollow
2,714FollowersFollow
984SubscribersSubscribe