24 C
Maricá
quarta-feira, dezembro 7, 2022

Maricá inicia a vistoria de táxis

A Prefeitura de Maricá, através da Empresa Pública de Transportes, em parceria com o Instituto de Pesos e Medidas do Estado (Ipem-RJ) deu início nesta segunda-feira (7) à verificação periódica dos taxímetros, que permanece até o dia 17 de dezembro, das 9h às 16h. Na Rua Professor Joaquim da Costa Ribeiro, 31, Centro de Niterói, e regularizar o taxímetro.
Os permissionários de táxi em Maricá precisam retirar a Guia de Recolhimento da União (GRU), no valor de R$ 51,96, através do site www.ipem.rj.gov.br. Após o pagamento da taxa, é necessário fazer o agendamento pelo telefone 2717-5711 antes de comparecer ao local.
Os permissionários devem comparecer no dia agendado com o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo (CRLV) de 2014 ou 2015; certificado do Ipem-RJ do exercício de 2014; certificado de Segurança Veicular, para carros movidos a GNV, na validade; além do comprovante da GRU quitada. Quem não realizar a verificação do taxímetro ficará sujeito a multas. O permissionário que não puder efetuar sua verificação no dia determinado deverá agendar uma nova data para vistoria, dentro do prazo estabelecido no calendário de verificação.

Recadastramento – Em Niterói, a Prefeitura vai iniciar na próxima segunda-feira (14) o recadastramento dos 1.906 permissionários. Os taxistas deverão comparecer ao Caminho Niemeyer, no Centro da cidade, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h. Os profissionais deverão se dirigir ao local do recadastramento pessoalmente ou por meio de um procurador, em posse de procuração com firma reconhecida por autenticidade.

Os permissionários deverão levar o comprovante de bons antecedentes; comprovante de idoneidade financeira, que é uma exigência do decreto 4.150/1984 que regulamentou o serviço dos táxis em Niterói; comprovante de quitação com os tributos municipais, como IPTU e ISS; comprovante de seguro obrigatório e o licenciamento do veículo.
As empresas permissionárias de táxis deverão apresentar: registro social; comprovante de frota mínima de dez veículos; comprovante de idoneidade financeira; comprovante de existência de garagem com capacidade para o total da frota; comprovante de pagamento de taxa rodoviária única; comprovante de seguro obrigatório e licenciamento do veículo.

Acompanhe-nos no Google Notícias

Sem boatos, sem fofocas, apenas notícias relevantes para você ficar bem informado.

spot_img
spot_img
spot_img