terça-feira, 24 novembro, 2020
25.9 C
Maricá

Maricá: Distribuição de jornal vai parar na delegacia

Durante a distribuição do primeiro jornal impresso intitulado ‘O Poder é do Povo – Maricá’, de propriedade da empresa RG Propaganda e Publicidade, um homem abordou uma das entregadoras, identificada como Adriana Barcellos Elias, de 44 anos, e a apreendeu, sem motivo algum. Ele seria um policial apaisana e estaria em um carro particular.

O proprietário da empresa, Robson Giorno, informou que seria retaliação de políticos que tiveram seus nomes veiculado no jornal que começou a circular nesta semana em Maricá. Além do nome do pré-candidato a prefeito Marcelo Delaroli, o jornal também aborda outros políticos da cidade, como o Deputado Federal Licenciado Fabiano Horta, o presidente da Câmara Vereador Chiquinho, o prefeito Washington Quaquá, o presidente da Alerj Jorge Picciani, a presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Lula, entre outros.

Todos os envolvidos foram para a delegacia de Maricá (82 DP), que não registrou o caso por não haver crime.

Acesso à informação

O acesso à informação pública não é apenas um direito resguardado pela Constituição Federal, mas sim um direito fundamental individual e coletivo que visa a instrumentalizar o exercício da cidadania, pilar da democracia. Tão essencial que mereceu especial atenção de leis e regulamentos de Direitos Humanos no nível internacional.