25 C
Maricá
sábado, outubro 16, 2021

Alvoroço em sessão da Câmara de Vereadores de Maricá

A sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Maricá foi marcada por um alvoroço entre alguns parlamentares, como os vereadores Hadesh (PT) e Ricardinho Netuno (PATRI); causada entre divergências em relação à vacinação e compra de imunizantes, além de divergências políticas.

Ricardinho cobrou a entrega de cestas básicas e da aplicação dos imunizantes como primeira dose, conforme normativa do Ministério da Saúde, para que a vacinação seja adiantada em Maricá. Já na fala de Hadesh, vereador governista, o mesmo atribuiu a culpa ao Governo Federal e culpou a ‘Anvisa’ por ‘barrar’ a importação da vacina Russa Sputnik V.

Ao pedir a parte por ter sido citado por Hadesh, Ricardinho foi acusado por Hadesh de querer aparecer em sua fala. O problema na conexão dos vereadores se mostrou um problema, onde diversas falas foram cortadas e soaram incompletas.

Ao final da sessão, Ricardinho propôs a criação de uma CPI para investigar a contratação de uma OS que teria usado documentação falsa na licitação, num contrato de R$370 milhões. A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) teria poder de polícia e poderia investigar a fundo essa contratação, alvo de denúncia da GloboNews.

Confira a sessão completa:

Anúnciosspot_img