15 C
Maricá
15 C
Maricá
quarta-feira, agosto 4, 2021

Maricá abre novos pontos de vacinação contra a Covid

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria de Saúde, inaugurou nesta segunda-feira (19/07), dois novos polos de vacinação para imunizar a população contra Covid-19 e a Influenza. O objetivo dos novos pontos é o de evitar possíveis filas e aglomerações nos polos já existentes.

Os novos polos estão em funcionamento na Escola Especial Rynalda Rodrigues da Silva, no Centro e na Escola Municipal Marquês de Maricá, ao lado do Posto de Saúde Santa Rita, em Itaipuaçu. Todas as unidades estão aplicando as vacinas, de segunda a sexta-feira, entre 09h e 16h.

Segundo a subsecretária de Saúde Solange de Oliveira, a implantação de dois novos pontos de imunização para a segunda dose visa facilitar o acesso. “A criação de dois polos exclusivos para a 2ª dose, tem por objetivo reduzir a aglomeração de pessoas e facilitar o acesso a segunda dose. Neste momento, quando avançamos na vacinação por idades, o público mais jovem cresce em proporção inversa à idade. Deste modo, os Polos de Vacinação receberão mais pessoas. Se a única opção para receber a 2ª dose for os mesmos polos onde são feitas as primeiras doses, haverá filas e aglomeração, podendo desestimular a procura da 2ª dose”, explica.

“Por isso, criamos espaços exclusivos. O objetivo é sempre trazer mais conforto, reduzir as filas, evitar aglomerações de pessoas e incentivar a aplicação da segunda dose”, revela a subsecretária.

“Eu vi na página da Prefeitura que estaria tendo vacinação aqui e achei ótimo. Estou tomando a segunda dose, tive uma experiência muito ruim com o vírus e agora posso respirar mais aliviada”, afirmou Joelma Rangel, 55 anos, que tomou a D2 no Centro.

Fátima Dias, de 60 anos, moradora de Itapeba, afirmou que não existem palavras que possam descrever a sensação de tomar as duas doses da vacina.

“Eu trabalho aqui no Centro e ficou pertinho para mim. Foi bem mais rápido e não enfrentei nenhuma fila, é uma vitória poder tomar essa segunda dose”, declarou.

Já em Itaipuaçu, vacinada contra Covid-19, Marília da Silva, de 56 anos, foi tomar o imunizante contra o vírus Influenza, causador da gripe.

“Eu tomei a primeira dose contra a Covid e vim tomar a da gripe logo que soube a disponibilidade. Eu tenho problema respiratório e a vacina é importante. Acho que mesmo aqueles que não tem problemas alérgicos, devem se imunizar”, afirmou.

Acompanhe

84,640FãsCurtir
3,170SeguidoresSeguir
2,552InscritosInscrever
Parceirosspot_img