26 C
Maricá
quinta-feira, dezembro 1, 2022

Maricá: Rachaduras no prédio do IFF atrasam retorno às aulas; prefeitura vai instalar módulos

A Direção-Geral do Instituto Federal Fluminense (IFF) Campus Avançado Maricá informa que o retorno às aulas permanecerá suspenso até a próxima sexta-feira, dia 19 de agosto. O adiamento se deve à necessidade de um prazo maior para a adequação dos espaços que serão usados como salas de aula e ambientes de apoio acadêmico durante o período de obras de reparo estrutural no bloco pedagógico.

A instalação dos módulos, pela empresa contratada pela Secretaria Municipal de Educação de Maricá, teve início no último sábado (13). Serão montados, na área externa do ginásio do campus, dois blocos com dois andares, cada.

A volta às aulas após o período de férias escolares de julho seria em 1º de agosto, mas foi inicialmente adiada em duas semanas em decorrência de um atraso da Prefeitura de Maricá na instalação dos novos ambientes de ensino no campus. A construção do IFF Maricá foi feita pelo Município, que é também responsável pelas obras de reparo. O uso do Bloco Pedagógico está suspenso desde 4 de julho, após a identificação de rachaduras na estrutura do prédio e um ofício emitido pela autarquia Serviços de Obras de Maricá (SOMAR), informando sobre a necessidade de isolamento dessas áreas, considerando o trabalho das equipes e os incômodos gerados pela obra, como barulho e poeira.

Têm sido realizadas, ao longo das últimas semanas, uma série de reuniões da gestão do IFF Maricá com as equipes da Secretaria de Educação e da SOMAR, além de representantes da Comissão de Educação da Câmara de Vereadores, buscando soluções para agilizar a instalação dos módulos no campus. Também estão sendo promovidas reuniões presenciais com pais, responsáveis e alunos para prestar informações sobre o andamento da obra e o planejamento sobre a readequação do calendário letivo.

Realocação dos espaços de ensino
Nas duas primeiras semanas de julho, com a decisão de suspender o uso do Bloco Pedagógico, as coordenações de curso organizaram um cronograma especial, com as atividades acadêmicas provisoriamente em espaços adaptados, como o auditório, alguns laboratórios, o ginásio e o prédio da biblioteca, pois havia a previsão de instalação dos módulos pela Prefeitura até o fim de julho. Com o atraso na disponibilidade desses espaços que são fundamentais para o retorno das atividades de forma plena no campus, houve a necessidade de adiamento das aulas.

As obras de reparo na estrutura do Bloco Pedagógico tiveram início ainda em julho, e o término está previsto para ocorrer em até cinco meses. Até lá, será possível desenvolver todas as atividades acadêmicas previstas no calendário letivo nos dez módulos que serão instalados e também com a realocação dos espaços de ensino prático no bloco de laboratórios, que está recebendo novos equipamentos adquiridos pelo Instituto, além da continuidade do uso do prédio da biblioteca para abrigar os laboratórios de desenho técnico.

Acompanhe-nos no Google Notícias

Sem boatos, sem fofocas, apenas notícias relevantes para você ficar bem informado.

spot_img
spot_img
spot_img