sábado, 6 junho, 2020
22.5 C
Maricá

Atletas de Maricá se destacam no Campeonato Brasileiro de Tiro com Arco

A estratégia da Confederação Brasileira de Tiro com Arco (CBTArco) começa a dar frutos. Nos Campeonatos Brasileiros de Categorias de Base e de Masters, realizados entre os dias 23 e 25 de julho, os alunos/atletas (entre 12 e 17 anos) do Projeto Escola do Centro de Treinamento de Maricá (uma parceria da CBTArco com escolas públicas da região) se destacaram. Inclusive, alguns deles estiveram no pódio, como Lucas Monteiro (3º colocado na categoria Cadete Masculino), Monique Rodrigues, Jennifer Fontes e Ane Marcelle Gomes (respectivamente, 1ª, 2ª e 4ª colocadas da categoria Cadete Feminino), e Gabriel Barros (2º colocado na categoria Infantil Masculino).

Com a mira certeira, os alunos do CT Maricá já começam a sonhar alto. Afinal de contas o Rio de Janeiro já respira as Olimpíadas de 2016. Para Monique, que faturou o primeiro lugar em sua categoria, o resultado não poderia ter sido melhor e confessou que ficou incrédula quando tomou conhecimento do feito.
“Eu vinha tendo um desempenho muito bom durante os treinos, mas como eu não sabia nada sobre os outros atletas o resultado acabou me surpreendendo”, declarou a atleta de apenas 16 anos, que disputou, assim como seus companheiros de equipe com atletas de vários estados do País, como Minas Gerais, São Paulo, Distrito Federal.
A boa colocação empolgou a jovem promessa, que pratica o Tiro com Arco, através do Projeto-Escola, há apenas nove meses. Monique espera continuar assim para futuramente integrar a delegação da Seleção Brasileira nos Jogos de Londres, em 2012.
“Meu objetivo é estar nos Jogos de Londres”, disse, sonho este também compartilhado por todos os alunos/atletas do CT Maricá, haja vista que a Confederação dá toda estrutura aos jovens de dedicarem aos treinamentos, sob a coordenação da atleta Dirma Miranda dos Santos, 17 vezes campeã brasileira.
Além de classificar o máximo de atletas para Londres-2012, a intenção da CBTArco é conseguir a tão sonhada medalha olímpica nos Jogos do Rio-2016. Por isso, que a entidade contratou em fevereiro deste ano o experiente técnico sul-coreano Lim Heesk, de 42 anos. 

78,029FansLike
27,269FollowersFollow
2,717FollowersFollow
984SubscribersSubscribe