Votação de aumento salarial de policiais é adiada na ALERJ

Aumento acumulativo poderia ser aprovado nessa terça-feira (7) / Foto: João Henrique 

A Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro adiou a votação que acontecia nessa terça-feira (7) para um aumento para servidores de segurança pública do Estado do Rio de Janeiro.


Polícia Militar, Bombeiros, Polícia Civil e Agentes Penitenciários poderão ter um aumento cumulativo em três parcelas, o que representará um reajuste de quase 39% no biênio 2012/2013.

O projeto de lei 1.184/12 que poderia ser aprovado hoje caso base e oposição do governo tivessem entrado em um acordo será discutido na próxima Quinta-feira (9) na ALERJ.

“Estamos fazendo um grande esforço orçamentário a fim de conceder o aumento já em fevereiro de cerca de 12% para tais categorias. Neste ano, eles terão quase 13% de aumento em seus vencimentos. E no ano que vem o governador antecipou para fevereiro mais um aumento equivalente a mais ou menos 12%, e em outubro do ano que vem outro percentual. De forma que em dois anos teremos dado cerca de 39% de aumento nos vencimentos, provimentos e aposentadorias de policiais, bombeiros militares e agentes penitenciários”, explicou o secretário de estado da Casa Civil, Régis Fichtner, durante solenidade de abertura do ano legislativo na Alerj.

Caso seja aprovado o aumento, um soldado da PM ou dos bombeiros passará a ganhar cerca de R$1341 em Fevereiro, chegando a R$1669 em 2013, fora as gratificações.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here