Porque parou? Obras do novo hospital de Maricá paradas há dois anos

Porque parou? Obras do novo hospital de Maricá paradas há dois anos

Reportagem: João Henrique

Anunciado na campanha eleitoral da reeleição do prefeito Washington Quaquá (PT) como a ‘salvação’ para os problemas de atendimento hospitalar em Maricá, o novo hospital Dr. Hernesto Che Guevara está com as obras paradas há dois anos.

A nova unidade de saúde que seria erguida às margens da RJ-106 iria substituir o antigo Hospital Municipal Conde Modesto Leal como a principal unidade de emergência em Maricá. Ele foi projetado para atender a uma demanda de 135 mil habitantes.

Porque parou? De acordo com a Prefeitura Municipal de Maricá, “vários fatores levaram ao atraso no início das obras de construção do novo Hospital Municipal Doutor Ernesto Che Guevara. O principal deles é, justamente, a tramitação diferenciada de projetos de unidades hospitalares, cujas normas de elaboração, implementação e execução diferem das demais iniciativas. A Secretaria Municipal de Saúde também reavaliou o modelo apresentado inicialmente e decidiu realizar uma série de alterações antecipando-se às recomendações que seriam encaminhadas pela Vigilância Sanitária estadual. Com isso, todo o projeto acabou sendo refeito e os custos ultrapassaram bastante o valor inicial de R$ 16 milhões.”

Atualmente a Prefeitura tenta viabilizar uma elevação do teto do financiamento federal de forma a reduzir o impacto orçamentário de sua contrapartida causado por uma obra de aproximadamente R$ 60 milhões. A Prefeitura de Maricá não informou quando a obra será retomada e se há previsão da entrega do novo hospital.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here