25 C
Maricá
terça-feira, novembro 29, 2022

Queimadas já atingiram o equivalente a 46 campos de futebol na Serra da Tiririca

O Istituto Estadual do Ambiente (Inea) disse que na Serra da Tiririca aconteceram 13 ocorrências de queimadas, com um total de 46 hectares atingidos desde o inicio do ano. As áreas mais atingidas são as de costões rochosos, a onde o combate é mais complicado devido as dificuldades de acesso. Uma das ocorrências mais graves ocorreu no final de julho, causado pela queda de um balão, cuja a estrutura foi localizada pelos guarda-parques.“Os longos períodos de estiagem deste ano, que registrou uma redução no regime de chuva, e que ocorreram inclusive em meio ao calor do verão, tornam o trabalho de prevenção permanente, e não mais concentrados no período tradicional, de maio a outubro”, esclareceu o Inea.

A baixa umidade do ar somada as altas temperaturas que estão sendo registradas neste inverno favorece o aparecimento de focos de incêndio. De acordo com a legislação ambiental, provocar incêndio em florestas ou matas é um crime ambiental que pode acarretar penas de prisão de dois a quatro anos. Já a pena para quem fabricar, vender, transportar ou soltar balões é de um a três anos, ou multa de R$ 1 mil a R$ 10 mil, ou ambas as penas, conforme o caso.

A secretaria do Ambiente disponibiliza o número 2253-1177 para quem quiser denunciar, o Disque Denúncia oferece a recompensa de até R$ 2 mil para informações que levem à prisão de baloeiros ou quantidades de balão.

Acompanhe-nos no Google Notícias

Sem boatos, sem fofocas, apenas notícias relevantes para você ficar bem informado.

spot_img
spot_img
spot_img