segunda-feira, 6 julho, 2020
22.5 C
Maricá

Morador de Maricá é baleado em São Gonçalo

Em uma intensa troca de tiros entre traficantes e policiais militares do 7º BPM no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, o morador de Maricá Dídio Soares de Freitas, de 47 anos, foi baleado no rosto. Ele estava de serviço como motorista de ônibus.

Dídio começou o trabalho bem cedo e na primeira viagem da linha 55-A (Palmeiras-Alcântara), quando trafegava com o ônibus na Estrada das Palmeiras, foi atingido, por volta das 6h40. Ele foi socorrido por um outro motorista, que parou para prestar socorro. O projétil ficou alojado no maxilar do motorista e estilhaços atingiram a coluna cervical. Dídio está internado no Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no Colubandê.

Rubens Oliveira, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Passageiros de Niterói e Arraial do Cabo (Sintronac), lamentou o ocorrido e informou que continua interferindo junto ao poder público para garantir a segurança do transporte rodoviário. “Conseguimos providenciar a transferência do Dídio para o Heat e os trabalhadores removeram mais de 15 coletivos que estavam circulando”, explicou.
Até o fechamento dessa edição, a direção do Heat informou que o paciente apresentava estado de saúde estável. Já a Polícia Militar informou que militares do 7º BPM (São Gonçalo) não realizaram nenhuma operação na Comunidade do Salgueiro. Um blindado e uma equipe de policiais davam apoio ao Grupo Apoio aos Promotores (GAP) do Ministério Público para localização e confirmação de alguns endereços. Traficantes locais atiraram contra o veículo blindado, não havendo reação por parte dos militares. O caso foi registrado na 72ª DP (Mutuá).

78,420FansLike
27,269FollowersFollow
2,720FollowersFollow
984SubscribersSubscribe