23 C
Maricá
domingo, novembro 27, 2022

Bilhete Único intermunicipal terá identificação visual

O sistema de bilhetagem eletrônica nos ônibus intermunicipais poderá ser controlado por biometria. Uma câmera vai fazer a identificação facial para comprovar se o passageiro é o usuário. É o que determina o projeto de lei 1.018/15, de autoria do Executivo, que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, ontem.

A proposta foi aprovada com a inclusão de 23 das 68 emendas parlamentares que haviam sido propostas. A principal mudança feita no texto original foi na forma como a suspensão do cartão acontecerá caso a biometria facial identifique que o usuário é diferente do cadastrado no sistema.

Segundo o secretário de Estado de Transportes, Carlos Roberto Osório, a roleta não travará imediatamente. “Quando o sistema detectar a má utilização, o usuário será informado que deve comparecer a uma loja do Riocard.

Ele terá um prazo de sete dias, em que o próprio validador vai indicar e ele deverá procurar um posto para sanar o problema”, explicou. Osório, que ainda disse que o sistema começará a ser implantado gradativamente, em um prazo de 180 dias, a contar da publicação da lei para entrar em funcionamento.

Acompanhe-nos no Google Notícias

Sem boatos, sem fofocas, apenas notícias relevantes para você ficar bem informado.

spot_img
spot_img
spot_img