Gestor de projeto em Maricá ganha prêmio internacional de sustentabilidade

David Galipienzo, à frente do complexo turístico-residencial Fazenda São Bento da Lagoa, recebeu a comenda por seu esforço pelo desenvolvimento sustentável na América Latina.

O diretor executivo da IDB Brasil, David Galipienzo, recebeu, no último dia 29, o Prêmio Governador Enrique Tomás Cresto, “Lideres para o Desenvolvimento Integral da America Latina”, concedido pelo Senado da Argentina e pela Federação Latino-Americana de Cidades, Municípios e Associações de Governos Locais (FLACMA), em reconhecimento aos esforços pelo desenvolvimento sustentável na América Latina. Galipienzo é responsável pelo projeto Fazenda São Bento da Lagoa, que está sendo desenvolvido numa área de oito milhões de metros quadrados em Maricá, no Leste Fluminense, com taxa de ocupação de apenas 6,4%.

A cerimônia de entrega da 17ª edição do prêmio, realizada no Salão das Províncias do Senado, homenageou gestores públicos, pesquisadores e representantes do terceiro setor e da iniciativa privada de diversos países latino-americanos. O prêmio é parte do Programa Relacionar.

O espanhol Galipienzo, da IDB Brasil, é responsável pelo desenho de uma solução sustentável para a área da Fazenda São Bento da Lagoa, em Maricá. Desenvolveu um projeto ícone em matéria de sustentabilidade, que pretende ser exemplo de desenvolvimento integral comprometido com o ambiente e as populações locais, resguardando os valores da restinga com a criação de uma enorme Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN), a segunda maior do Estado do Rio neste ecossistema, e de um Centro de Pesquisas Ambientais.

Na interação com a comunidade de pescadores artesanais, o diretor da IDB Brasil vai dar escrituras definitivas a todos os moradores, garantir infraestrutura urbana equivalente à do projeto, qualificar os trabalhadores para o turismo, resgatar a cultura da pesca artesanal com a criação da Casa do Caiçara e apoiar a pesca através de equipamento e programas ambientais.

Formado em Ciências Ambientais pela Universidade de León, na Espanha, Galipienzo já trabalhou em projetos com foco em sustentabilidade em mais de 20 países de quatro continentes. No Brasil, lutou para que o projeto Fazenda São Bento da Lagoa fosse declarado um projeto de Interesse Público e Social pelo governo do Estado do Rio. Agora, esforça-se pela implantação.

– Para além da minha experiência em sustentabilidade, o prêmio é o reconhecimento do esforço da IDB Brasil na construção de uma solução sustentável para uma área tão importante para o Estado do Rio. Nossa missão é que o empreendimento se torne referência para novos licenciamentos ambientais, que seja entendido como um caso de sucesso de desenvolvimento sustentável no país. O projeto mostra que é possível proteger e preservar ambientalmente uma área com grande valor natural através do desenvolvimento sustentável promovido por bons projetos turísticos-residenciais.

Fazem parte do Programa Relacionar os seguintes países: Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, República Dominicada, Honduras, Israel, Nicarágua, Panamá, Peru, Venezuela e Uruguai.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here