Prefeitura de Maricá estima que fundo soberano vai atingir R$ 1,5 bi em dez anos

A Prefeitura de Maricá estima que o fundo soberano da cidade, constituído com royalties de petróleo, pode chegar a R$ 1,5 bilhão em oito a dez anos. O prefeito Fabiano Horta (PT) explica que a cidade vai usar os recursos para desenvolver parcerias público-privadas e servir como garantir de investimentos em Maricá.

“A cidade já constitui um fundo soberano que tem aportado hoje mais de R$ 130 milhões de reais para parcerias público-privadas e a possibilidade de funcionar como garantidor de investimentos na cidade”, afirmou.

O prefeito Fabiano Horta conversou com a epbr nesta quarta (26), em Macaé, durante a Brasil Offshore.

A cidade está investindo no Aeroporto Municipal de Maricá para atrair operações de translado para as Bacia de Campos e Santos, explicou Fabiano Horta. “Maricá ocupa um papel protagonista na fronteira dos campos de pré-sal”.

O prefeito planos de instalar um centro de manutenção de helicópteros na cidade, a partir de uma associação entre a Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar) e a empresa italiana Leonardo.

“Há uma parceria sendo construída (…) a gente está levando para a cidade de Maricá um centro de manutenção de aeronaves em conjunto com a Codemar. Há uma parceria societária nesse processo”, explicou.

Matéria: Felipe Maciel/Agência EPBR