quarta-feira, 25 novembro, 2020
25.6 C
Maricá

Maricá: Prefeitura terá novo Centro de Diagnóstico e Tratamento

O município de Maricá terá já nas próximas semanas um novo Centro de Diagnóstico e Tratamento (CDT). A estrutura, que já funciona no anexo do Hospital Municipal Conde Modesto Leal, no Centro, vai operar na Rua Ari Spíndola com a Rua Pereira Neves, também no Centro. O novo equipamento contará com uma sala de espera e 17 consultórios preparados para efetuar exames como ultrassonografia, ecocardiograma, ecodoppler, entre outros.

Atualmente a estrutura conta com cerca de 40 médicos de diversas especialidades como cardiologia, obstetrícia, psicologia, psiquiatria, ortopedia entre outras.

“O CDT é algo de muita importância no município. Ele é o coração do hospital e da saúde porque é através dele que os médicos elaboram o diagnóstico daquilo que o paciente está passando e necessita para ter um bom êxito no seu tratamento”, afirmou o coordenador-geral, Edvaldo Baldow.

Na área da cardiologia, por exemplo, são efetuados mensalmente 317 exames, sendo eles o Mapa 24h, Holter 24h, teste ergométrico, eletroencefalograma, ecodoppler e eletroneuromiografia (exame que avalia a presença de lesões que afetam os nervos e músculos, como pode acontecer em doenças como esclerose lateral amiotrófica, neuropatia diabética, síndrome do túnel do carpo ou doença de Guillain-Barré).

Na unidade já são efetuados diversos exames como ultrassonografia do abdômen superior, abdômen total, obstetrícia, bolsa escrotal, exames pélvicos e transvaginal, que totalizam 831 mensais.

A respeito dos atendimentos de enfermagens, que englobam medicação, aferição da pressão arterial, retirada de ponto, curativos em graus I e II, o CDT apresenta um quantitativo de 1.299 atendimentos mensais.

Vale lembrar que todos os exames realizados no CDT são regulados pelo sistema de regulação por onde é feita uma triagem.