sábado, 4 julho, 2020
22.5 C
Maricá

Maricá terá testagem em massa para detectar o covid-19

A partir desta semana, o protocolo de testagem em massa será implementado em Maricá. A medida já é reflexo da inauguração do Laboratório de Diagnóstico Molecular na cidade, que terá capacidade para realizar até 300 testes de detecção do novo coronavírus por dia, com os resultados sendo conhecidos em 72 horas.

De acordo com a secretária de Saúde de Maricá, Simone Costa, essa nova dinâmica irá permitir elaborar e atualizar permanentemente um mapa da condição virológica na cidade.

A partir de junho, será iniciada a pesquisa domiciliar epidemiológica da Covid-19 na cidade, com exames em grande escala, para um levantamento estatístico utilizando critérios do IBGE (idade, renda e localização geográfica, entre outros). Desta forma, será possível elaborar e atualizar permanentemente um mapa da condição virológica dos moradores e, assim, dar ao poder público condições de antecipar possíveis crises sanitárias futuras e estabelecer políticas públicas.

A pesquisa domiciliar será feita entre junho e dezembro, em sete etapas, cada uma com 394 domicílios. Equipes formadas por técnicos de endemias e agenes de Saúde da Família visitarão as residências e coletarão amostras de um morador de cada domicílio para os testes.

Todo o trabalho é fruto de uma parceria entre o ICTIM e o Laboratório de Análise Molecular da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), e tem como como responsáveis técnicos o virologista a professor titular da UFRJ, Amílcar Tanuri, o professor da Unirio e pesquisador da UFRJ Marcelo Velho – também infectologista da rede pública de saúde de Maricá -, e a biomédica Andréia Ribeiro Costa.

78,417FansLike
27,269FollowersFollow
2,718FollowersFollow
984SubscribersSubscribe