Notícias de Maricá

Maricá x Macaé: Mesmo evento de Natal com custos bem diferentes

O Natal Iluminado de Maricá, que chega à sua 6ª edição em 2023, ainda não começou. Com adiamentos sucessivos por atraso na montagem, o evento promete ser o maior já realizado, com investimento na casa dos R$28 milhões.

Árvore flutuante, águas dançantes e Vila Natalina, o Natal Iluminado de Maricá segue sem previsão de início, enquanto o Natal Magia do município de Macaé foi lançado no dia 7 de dezembro com os mesmos atrativos. Até a cenografia é muito semelhante, mudando apenas a disposição, por exemplo, da árvore natalina, não tendo o telão que, em Maricá, passa um filme exaltando as políticas públicas da cidade.

Por lá, o evento, que vai até o dia 1º de janeiro, custou pouco mais de R$14 milhões, metade do valor investido pela Prefeitura de Maricá. Por aqui, há sim, mais um local de evento (Itaipuaçu) e uma maior quantidade de decorativos, mas não parece ser o suficiente para justificar a diferença dos valores.

Enquanto o Natal Magia de Macaé já iniciou, encantando por lá moradores e visitantes, em Maricá as empresas contratadas continuam a montagem. Vale destacar que a licitação, processo necessário para a contratação das empresas, foi marcada apenas para novembro, mês em que deveria ter iniciado o evento de acordo com o Calendário Oficial de Eventos de Maricá.

Maricá foi a pioneira no quesito inovação, trazendo para o Estado do Rio o espetáculo de águas dançantes, mas ficou para traz no quesito organização, já que com três adiamentos seguidos, a cidade fica queimada no meio turístico, já que quem viria visitar a cidade não consegue se programar com logística de transporte e hospedagens nas raras opções de pousadas de Maricá.

Imagens do Natal Magia de Macaé:

macae marica natal
Natal Magia de Macaé (esquerda) x Natal Iluminado de Maricá (direita).
Natal Magia de Macaé, engana pela semelhança com o de Maricá.
Natal Magia de Macaé, engana pela semelhança com o de Maricá.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo