Início Notícias de Maricá Maricá: Município alcança a meta de doadores de sangue

Maricá: Município alcança a meta de doadores de sangue

O CEM Joana Benedicta Rangel, no Centro, recebeu nesta quinta-feira (19/07), 150 doadores de sangue que foram participar do evento “Doe Sangue, Salve Vidas”, promovido pela Secretaria de Saúde através da Coordenadoria de Humanização.

Janete de Souza, de 49 anos e moradora do Parque da Cidade (?) foi doar pela quarta vez. “Sempre faço doação, pois isso me deixa feliz por saber que estou ajudando a salvar a vida de outras pessoas. Recomendo que todas as pessoas doem sangue, para saberem como é a sensação de poder fazer o bem”, disse.

A procura grande não desanimou quem estava esperando sua vez chegar. Phelipe de Souza, de 29 anos, aproveitou a oportunidade de realizar sua segunda doação em 10 anos. “Doei a primeira vez há 10 anos, quando um tio se acidentou e precisou de sangue. Ano passado perdi a data da doação e não consegui vir, agora estou aqui para fazer a minha parte. Pretendo também me tornar doador de órgãos. Faço por mim e por outras pessoas também e isso não tem preço”, concluiu.

De acordo com o coordenador de Humanização, Jessé Paz, a quantidade de sangue recebida vai ajudar muitas pessoas. “Cada bolsa tem possibilidade de ajudar quatro pessoas. Com a quantidade de doadores, cerca de 600 pessoas poderão ser beneficiadas e isso não tem nada que pague. Quem não pôde doar hoje, em breve teremos outra ação da qual poderá participar” disse Jessé.

O Guarda Municipal do Grupamento de Defesa Ambiental, Fabiano Pereira, de 37 anos, marcou presença e doou sangue pela sexta vez. “Ajudar o próximo é o meu estímulo para doar sempre e meus amigos e familiares sempre são convocados por mim também, embora muitos não doem por medo. Não precisa ter medo de doar sangue, pois ao contrário do que pensam, só faz bem, para nós e para quem recebe também”, concluiu Pereira.

O Hemorio recebe diariamente doadores para aumentar seu estoque e para o ato, basta o interessado ter entre 16 e 69 anos, sendo que dos 60 aos 69 anos, a pessoa só poderá doar se já tiver feito alguma doação antes dos 60. Precisa também pesar, no mínimo, 50kg e estar em bom estado de saúde, descansados (as) e não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação, não estando em jejum também. Para doar, basta estar com o documento de identidade com foto e apresentar na hora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui