Início Eleições 2014 No Rio, PT libera filiados para apoiar Pezão ou Crivella

No Rio, PT libera filiados para apoiar Pezão ou Crivella

Da redação / João Henrique – Logo após o presidente estadual do PT e prefeito de Maricá Washington Quaquá (PT) anunciar apoio ao senador e candidato a governador Marcelo Crivella (PRB), a decisão do Partido dos Trabalhadores sobre o apoio foi pelos dois candidatos. O PT liberou os filiados a apoiarem Pezão (PMDB) ou Crivella, republicano que já tem apoio do candidato derrotado ao governo do estado, Anthony Garotinho (PR).

Em nota, a direção estadual do PT frisou que, “apesar de ter um posicionamento majoritário, em diálogo com a direção nacional do PT resolveu não se pronunciar oficialmente como instância a favor de uma das candidaturas”. A Executiva Estadual acrescentou que “libera os filiados para adotarem o posicionamento de acordo com suas convicções políticas”. A decisão é uma derrota para o comando petista no Rio, já que o presidente estadual do partido, Washington Quaquá, e o candidato derrotado Lindbergh Farias defendiam apoio a Crivella.

Pezão tem apoio de pelo menos 9 prefeitos do PT

O candidato a reeleição Luiz Fernando Pezão (PMDB) tem o apoio de pelo menos 9 prefeitos do PT dos 10 no Estado. O peemedebista se encontrou com diversos políticos do partido dos trabalhadores, entre prefeitos, vereadores e deputados já nesta sesta semana, onde mantiveram firme o compromisso de reeleger o governador Pezão.

“Acredito que nosso movimento de apoio a Pezão reúne a maior parte do PT. Temos nove dos dez prefeitos, cinco dos seis deputados estaduais eleitos e três dos cinco deputados federais”, diz o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves (PT), que se opôs à candidatura de Lindbergh ao governo, mas foi voto vencido no partido. Depois de mais de sete anos aliado ao PMDB no Rio, o PT deixou o governo do Estado para lançar a candidatura de Lindbergh.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui