Início Esportes Maricá terá campeonato de Rugby no final de semana

Maricá terá campeonato de Rugby no final de semana

No domingo (10/02) tem competição de rugby na praia da Barra de Maricá, na altura da Rua 10, a partir das 10h. Com o apoio da Prefeitura, o evento tem o objetivo de divulgar o esporte coletivo de intenso contato físico na cidade. A disputa vai contar com a participação de cerca de 200 atletas, entre convidados e jogadores locais.

Sessenta e oito jogadores com idades entre 12 e 45 anos que moram em Maricá fazem parte do Grêmio Náutico Maricá, que representa o município em várias competições. Apenas este ano, serão nove disputas e uma etapa de cada competição será realizada em Maricá.

O Secretário de Esporte e Lazer, Filipe Bittencourt acredita que independente da modalidade esportiva escolhida, a prática da atividade física é essencial para a qualidade de vida. “Auxilia não só no desenvolvimento físico, mas principalmente na saúde das pessoas, tirando-as do sedentarismo e permitindo que atletas sejam revelados. Vamos apoiar sempre”, frisa. 

Fundado por Thiago Alves em agosto de 2016, o time de rugby maricaense garantiu sua primeira medalha de ouro no 1º Campeonato Estadual Seven de Desenvolvimento (em que atuaram sete jogadores) em 2018. No ano passado, mesmo ano em que o time feminino foi formado, garantiu a terceira colocação num campeonato estadual. Em janeiro, na disputa pela Final Prata que aconteceu em Copacabana (Rio de Janeiro), o time feminino conquistou mais uma vitória.

O Rugby

Segundo Thiago Alves, que está a frente dos times, o rugby é um esporte coletivo de intenso contato físico bem democrático, que permite a participação de todos, independentemente de disposição para correr, força, peso ou beleza.

“Os valores do rugby são a paixão, o respeito, a disciplina, a integridade e a solidariedade. Com o tempo dos treinos se adquire preparo físico. Além disso, os juvenis são responsáveis pela limpeza e organização do material e aprendem que ninguém é melhor do que ninguém ali. Por isso, temos um time coeso”, explicou.

Capitã do time feminino, Lidiane Lima, 34 anos, pratica esportes desde os 6 anos de idade. Esposa de Thiago, sempre o acompanhava e resolveu reunir um grupo de amigas e jogar também. “Todas as mulheres se dividem entre os serviços de casa, trabalho, mas nem por isso deixamos de se esforçar e serem competitivas. Então é gratificante. Porque a gente vê o time saindo do zero em busca da melhora. Essas classificações são recompensa, de que treinamos para alçar voos mais altos”, resume.

Aos 18 anos, João Pedro Rosa Antonio é o capitão do time juvenil. Convocado pela Seleção Brasileira para participar da sub-18, ele disputa vaga para o mundial desse ano com outros 45 atletas. Desses, 20 vão para o mundial. “Eu já jogava futebol americano, mas uns amigos começaram a jogar rugby e eu fui jogar com eles. Me identifiquei. Era um hobby, mas assumi a responsabilidade de líder do time juvenil e passei a jogar também no time adulto masculino. Saber que fui selecionado serve como motivação para os outros atletas, de que eles também podem conseguir”, contou.

Quem quiser praticar a modalidade, basta comparecer às segundas-feiras no polo de Araçatiba que fica em frente ao Restaurante Bora Bora ou nas quartas-feiras no polo de São José do Imbassaí que fica na Orla das Amendoeiras, sempre às 19h30 minutos e participar da aula. Os treinos para os atletas mais antigos acontecem também às terças, quintas e sábados no Campo da Divinéia, sendo os dois primeiros dias às 19h30 e no sábado às 15h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui