Início Notícias de Maricá Maricá: Aumento de 50% na bandeira tarifária da conta de energia em...

Maricá: Aumento de 50% na bandeira tarifária da conta de energia em debate na Câmara de Vereadores

Foi aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) o reajuste nas bandeiras tarifárias. Com isso, as contas de energia elétrica deverão ficar mais caras. Em virtude da alteração nos valores, os vereadores da Câmara Municipal de Maricá mais uma vez reclamaram tanto do serviço prestado pela Enel como de mais um aumento nas contas de luz. O vereador Rony Peterson (PR) sugeriu a discussão sobre buscar novas fontes de energia. “Quero falar sobre esse aumento pela Aneel. A bandeira amarela passou de R$ 1 para R$ 1,50 a cada 100 kilowatts. A bandeira vermelha passou de R$ 3 para R$ 4 e a bandeira 2 Vermelha de R$ 4 para R$6. É corriqueiro, mas trago a esta Casa o debate sobre o presente e o futuro que está nas energias alternativas. Acredito que o poder municipal pode, em breve, fomentar a possibilidade de financiamento para que cidadão tenha energia alternativa”.

O vereador Marcinho da Construção (DEM) também reclamou dos serviços prestados pela Enel. Ele falou da existência de um poste que pode cair a qualquer momento na Rua Fernando Mendes, em Inoã. “Hoje aconteceu mais um absurdo. Ali em Inoã tem um poste pendurado apenas por um fio. Está a ponto de cair. Estamos sempre falando de postes que essa empresa instalou e agora diz que não cabe a ela retirar. Essa empresa só quer lucrar e não investir”. O vereador Ismael Breve (DEM) sugeriu uma visita a Enel para pedir solução também para postes com risco de queda em Ponta Negra e Zacarias.

Guarda Municipal terá aumento em seu efetivo – Os vereadores votaram Projeto de Lei Nº 55/2019 de Autoria do Poder Executivo, oriundo da mensagem nº 06/2019, que dispõe sobre a criação de cargos na estrutura funcional da Guarda Municipal do município. Os cargos serão providos por meio de concurso público. O líder do Governo, Fabrício Bittencourt (PTB), explicou que a demanda para a contratação de guardas municipais tem aumentado exponencialmente. O vereador Rony Peterson (PR) sugeriu o armamento para a Guarda da cidade. “Queria falar sobre a tendência nacional sobre a discussão do armamento. Essa Casa de Leis precisa debater isso. Temos que trabalhar para melhorar e qualificar a Guarda que pode ser um braço para a Segurança Pública em nossa cidade. Precisamos discutir isso”.

O líder do Governo, Fabrício Bittencourt, apresentou números referentes à Segurança Pública. Em abril, 48 veículos foram furtados e 41 foram recuperados pelo novo sistema de segurança de Maricá. “O Proeis é informado, faz a abordagem e prisão, recupera o veículo e isso está abaixando muito nossos índices de criminalidade”, explicou.

Política e Segurança no mar – O vereador Cemar (Solidariedade) agradeceu a todos, principalmente ao presidente da Câmara, Aldair de Linda, pelo apoio para seu retorno à Casa de Leis. O vereador Ricardinho Netuno (Patri) denunciou a presença de várias traineiras na Praia de Itaipuaçu. ”Hoje me deparei com mais de 20 traineiras na praia de Itaipuaçu realizando pesca predatória. Isso prejudica diretamente nossos pescadores que dependem da pesca para sobreviver e isso vem acontecendo reiteradamente. Precisamos de medidas para coibir essa ação ilegal que acontece em nossas orlas”. O parlamentar questionou as atividades das lanchas compradas para o serviço de fiscalização nas lagoas.

Em resposta, o líder do Governo, Fabrício Bittencourt, explicou que os funcionários estão concluindo o curso para o manuseio das lanchas. “A prefeitura vai entrar junto com o Governo do Estado, para combater a pesca predatória”.

Educação – O vereador Felipe Auni (PSD) agradeceu ao prefeito, Fabiano Horta, pela sanção de seu Projeto de Lei que reconhece a prática esportiva eletrônica. “Nenhum outro município do Brasil tem essa lei. Maricá é o primeiro município a reconhecer os cybers atletas”.

Votações do Dia – Foi votado Projeto De Lei nº 054/2019 do Poder Executivo que dispõe sobre alteração da Lei Municipal nº 2.283/2008, que normatiza o processo de escolha dos conselhos tutelares. Também foi votado Projeto de Lei nº 010/2019 do Poder Legislativo de autoria do vereador Robgol, que dispõe sobre o dever de inserção do símbolo da Conscientização do Transtorno do Espectro Autista – TEA.

Os parlamentares votaram um Projeto de Lei Nº 012/2019 do Poder Legislativo, de autoria do vereador Rony Peterson, que denomina a praça situada no Loteamento das Colinas de Praça dos Avinhados de Esporte d Lazer. Foi votado Projeto de Lei Nº 53/2019 de autoria do Poder Executivo, oriundo da mensagem nº 05/2019 que dispõe sobre a criação do Centro de Tecnologia Agrofamiliar e do Programa Comunas Agroecológica.

Os vereadores votaram Projeto de Lei Nº 55/2019 de Autoria do Poder Executivo, oriundo da mensagem nº 06/2019 que dispõe sobre a criação de cargos na estrutura funcional da guarda municipal do município. Foram votadas moções de autoria do vereador Rony Peterson, a Breno Felix, João Marcelo do Nascimento Teixeira, Venâncio Teixeira do Nascimento, Marcos Vinicius Santos de Abreu e a Guilherme Rodrigues Viana.

O vereador Felipe Paiva entregou moção a René Lazari. Já o vereador Dr. Richard entregou moção a Elizabete Marinho e Carlos Renato Dias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui