sábado, 4 julho, 2020
22.5 C
Maricá

Maricá: Prefeitura emite nota sobre nova metodologia para casos da Covid-19

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria de Saúde emitiu uma nota oficial  neste domingo (31) para esclarecer a nova metodologia adotada para a divulgação de casos confirmados do novo coronavírus na cidade. Confira abaixo a nota técnica na íntegra:


“A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria de Saúde, baseada na NOTA TÉCNICA – SVS/SES-RJ Nº 28/2020, oriunda da Secretaria Estadual de Saúde, vem esclarecer a nova metodologia adotada para a divulgação de casos confirmados do Novo Coronavírus no Município de Maricá.

Serão considerados como CASOS CONFIRMADOS para fins de notificação o caso suspeito de Síndrome Gripal ou Síndrome Respiratória Aguda Grave que tiver resultado positivo por Biologia Molecular (RT-PCR em tempo real, detecção do vírus SARSCoV-2) ou por Exame Imunológico (teste rápido ou sorologia clássica para detecção de anticorpos) OU quando atender a critérios clínicos-epidemiológicos.

Para a detecção do vírus SARS-CoV-2 por Biologia Molecular RT-PCR, a coleta de amostras deve ser realizada quando o paciente está na fase aguda da infecção, preferencialmente do 3º ao 7º dia após o início dos sintomas, podendo ser realizada até o 10º dia.

Após o 7º dia de aparecimento dos sintomas a sensibilidade de metodologia diminui significativamente, não sendo recomendável a coleta fora desse período, ficando a cargo da equipe médica e Vigilância Epidemiológica local avaliar a necessidade da coleta ou não, tratase de um exame que precisará ser processado pelo Laboratório Lacen Maricá, para se obter o resultado após alguns dias.

Por sua vez os testes Rápidos, imunocromatográficos, devem ser aplicados em pessoas cujos sintomas compatíveis com Síndrome Gripal tenham se iniciado a mais de 8 dias, são dispositivos de uso do profissional de saúde, manuais, de fácil execução, que não necessitam de outros equipamentos de apoio, como os que são usados em laboratórios, e que conseguem dar resultados entre 10 e 30 minutos, e podem auxiliar o mapeamento da população “imunizada” (que já teve o vírus ou foi exposta a ele).

Testes positivos indicam que você teve contato recente com o vírus ou que você já teve Covid-19 e está se recuperando ou já se recuperou, uma vez que indicam a presença de anticorpos (defesas do organismo), por isso deverá ser interpretado por um profissional de saúde, que orientará as ações que deverão ser adotadas pelo paciente.


A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria de Saúde, adquiriu no inicio de abril os primeiros testes rápidos para o novo coronavírus (Covid-19) e veio se antecipando a esse mapeamento da população, no primeiro momento esses testes foram voltados aos profissionais da saúde da rede do Município, pacientes hospitalizados e idosos, obedecendo a critérios da própria secretaria de Estado e do Ministério da Saúde, através da Nota Informativa nº 02/2020- SAPS/MS e Nota Técnica nº 04/2020-SAPS/MS

A Vigilância Epidemiológica depois dessas recentes orientações e de atualizações na Plataforma de Notificações e-Sus, nas ultimas semanas, passa atribuir os resultados dos testes rápidos as notificações, e adicionar esses resultados aos casos confirmados divulgados nos meios de comunicação. Portanto Maricá terá um acréscimo significativo nas próximas semanas de casos confirmados, que foram realizados desde abril e que agora puderam ser notificados, com a autorização da Secretaria Estadual de Saúde e da Plataforma e-Sus, do governo federal.

A Secretaria de Saúde também informa que a partir do dia 1º de junho estará disponibilizando nos Polos de Atendimento, conforme avaliação e critérios médicos, os Testes Rápidos e os testes de biologia Molecular (RT-PCR), visando assim a identificação do Novo Coronavirus (Covid-19) e seu mapeamento na população Maricaense.”

78,417FansLike
27,269FollowersFollow
2,719FollowersFollow
984SubscribersSubscribe