sábado, 4 julho, 2020
22.5 C
Maricá

Maricá: Vereador questiona contratos de mais de R$600 milhões para Organizações Sociais administrar saúde

O vereador Ricardinho Netuno, na primeira sessão online da Câmara de Vereadores de Maricá nesta quarta-feira (03), questionou sobre os contratos para contratações de Organizações Sociais (OS) para administrar os postos de saúde, os pólos do COVID-19 e os hospitais municipais Conde Modesto Leal e Dr. Ernesto Che Guevara.

Segundo Ricardinho Netuno, grande parte dos volumosos contratos já foram repassados às OSs e ele pediu que tudo possa ser investigado, já que há denúncias de mal uso do dinheiro e de contratos superfaturados com Organizações Sociais no Governo do Estado. Ricardinho questiona também o que está fazendo a Secretaria de Saúde, já que terceirizou o serviço de administração das unidades de saúde e mesmo assim permanece com centenas de cargos comissionados.

Para se ter ideia da cifra repassada às Organizações Sociais em Maricá, as três ‘empresas’ que irão administrar a saúde do município receberão, juntas, R$615 milhões em 2020, sendo R$220,9 para o Centro de Pesquisa Dr. João A; R$212 milhões para o Hospital Psiq Espírita Mahatma Gandhi; R$100 milhões para o Instito Gnosis e R$82 milhões para o Centro em Excelência em Políticas Públicas.

Confira o vídeo completo da sessão do dia 03/06/2020:

78,417FansLike
27,269FollowersFollow
2,719FollowersFollow
984SubscribersSubscribe