Início Itaipuaçu Estudante de 17 anos desaparece na Praia de Itaipuaçu, em Maricá

Estudante de 17 anos desaparece na Praia de Itaipuaçu, em Maricá

Foto: Ilustrativa

O estudante Marcos Augusto Ribeiro Nogueira, de 17 anos, continua desaparecido. No último domingo, o jovem, morador de Alcântara, estava na praia de Itaipuaçu, em Maricá, quando foi arrastado pelas ondas do mar. Filho único, o rapaz estava com quatro colegas e um adulto.

“Ele entrou sozinho no mar quando foi atingido por uma onda forte. Os colegas falaram que ele ainda pediu ajuda, mas o corpo dele foi afundando e ninguém mais viu. Me falaram que essa praia é perigosa e quase não é usada para banho”, lamentou o pai, Antônio Marcos Nogueira da Silva, de 40 anos.
Perigo – Bombeiros e pescadores do local tentam desde domingo encontrar o adolescente. Um dos guarda-vidas do local, Laurent Panisset, de 25 anos, que atua há mais de um ano no local, explica que a praia de Itaipuaçu é diferente de qualquer outra da região. “Ela é funda e cheia de buracos e valas. Por isso engana muito e tem muita gente que acaba perdendo a vida ali”, disse.
O guarda-vida orienta os banhistas a respeitarem as placas que sinalizam o local. Ele também ressalta que as orientações passadas pelos profissionais do Corpo de Bombeiros devem ser seguidas. “Tem muita gente que não nos ouve e acaba colocando a vida em risco por desconsiderar nossos conselhos”, falou.
Segundo do 4º Grupamento Marítimo GMAR (Itaipu) do Corpo de Bombeiros, as buscas devem continuar sem previsão de término. A ação tem acontecido desde a tarde de domingo, momento do acidente.

O Fluminense

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui