Início Notícias de Maricá Maricá: Após vistoria, DER-RJ vai emitir relatório sobre a ponte de Ponta...

Maricá: Após vistoria, DER-RJ vai emitir relatório sobre a ponte de Ponta Negra

Foto: Elsson Campos

Técnicos do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Rio (DER-RJ) estiveram nesta segunda-feira (10/6) em Ponta Negra para realizar uma vistoria na ponte sobre o canal do bairro, cuja passagem é permitida apenas para veículos de passeio.

Veículos pesados, como caminhões e ônibus, não podem utilizar a estrutura por determinação da Secretaria de Proteção e Defesa Civil de Maricá. A decisão foi tomada em caráter preventivo após o órgão constatar a deterioração das bases da ponte, que tem mais de 50 anos de uso.

Acompanhados do presidente da autarquia de Serviços de Obras de Maricá (Somar), Renato Machado, e da engenheira Fernanda Guarnieri (da Defesa Civil), os técnicos do DER avaliaram as condições da ponte e utilizaram o barco de um pescador para observar a parte de baixo da estrutura. Ao final da vistoria, eles não quiseram antecipar o que avaliaram e disseram que um relatório completo será emitido até esta quarta-feira (12).

“Antes nós só tínhamos uma análise visual e percebemos que há trincas na parte de cima e parte das vigas está sem cobertura, além estar numa área onde a ação do tempo é de agressividade grau 3, por causa da proximidade com o mar. Agora vamos aguardar a chegada desse relatório para uma ver a decisão que tomamos mas, até lá, a interdição parcial está mantida”, afirmou Fernanda.

Agentes da Guarda Municipal orientam motoristas nos acessos à ponte e a recomendação para caminhões que queiram acessar a praia vindo da rodovia RJ-106 é que entrem pelo acesso a Bambuí, na altura do quilômetro 38.

De acordo com Renato Machado, o projeto para uma nova estrutura está em fase de análise e que o projeto compreende também a passagem de embarcações de médio porte, seguindo o modelo da nova ponta que está sendo construída na saída do canal para a lagoa. Os avanços desta obra dependem da retirada de uma fiação da concessionária de energia elétrica Enel, que passa no exato local onde deve ser erguido o último pilar de sustentação.

“Tem um poste de luz ali que nos impede de construir este último pilar, os outros três já estão prontos. Dependemos disso agora para seguir com a obra que, uma vez concluída, vai manter o fluxo de ambos os lado do bairro e aí poderemos instalar o novo projeto para esta passagem”, explicou Renato.

Vistoria da ponte de Ponta Negra – Foto: Elsson Campos