Atleta de Maricá bate recorde brasileiro em campeonato mundial

Jovem de 17 anos conseguiu chegar aos 670 pontos no round de qualificação em Medellín, na Colômbia, e melhora marca de 2012, de Luiz Gustavo Trainini, com 667.

Marcus Vinícius D'Almeida, atleta de Maricá, segue fazendo história no tiro com arco brasileiro. Na última quarta-feira, 9, durante o round qualificatório da última etapa da Copa do Mundo, em Medellín, na Colômbia, o jovem de 17 anos quebrou o recorde nacional do arco recurvo. Marcus atirou 72 flechas da distância de 70 metros e conseguiu 670 pontos, avançando para o round eliminatório em sétimo lugar. O antigo recorde brasileiro era de 2012 e pertencia a Luiz Gustavo Trainini, com 667 pontos.

“Até que enfim o recorde saiu. Era um objetivo que sempre pareceu possível e sempre estava tão perto. Sensação é de evolução, fazia uns cinco campeonatos que eu fazia a mesma pontuação. E agora consegui melhorar a marca. Todas as vezes me perguntei porque eu não fazia essa marca, já que eu estava na média de 664 há um ano. Me irritava muito durante os treino e competições por saber que era possível.” disse Marcus Vinícius.

Com a marca, Marcus conseguiu um bom lugar para o round eliminatório. Ele foi direto para o terceiro round e aguarda a definição do round 2 para saber quem terá pela frente. O americano Brady Ellison, atual campeão da Copa do Mundo ao vencer o próprio Marcus Vinícius, em 2014, ficou com a 16ª colocação no round de classificação e terá que participar do round 2. A competição prossegue nesta quinta-feira com os próximos rounds.

Marcus Vinícius é o atual campeão mundial cadete e também foi medalha de prata em Nanquim, nas Olimpíadas da Juventude, em 2014, na China. Além disso, o brasileiro foi prata na etapa final da Copa do Mundo do ano passado, com a presença dos oito melhores atiradores, e no último Mundial, na Dinamarca, em 2015, ficou no top 8 do mundo.

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline