Maricá: Perigo nas praias

A circulação de veículos na areia da praia além de perigosa, já foi alvo de um Projeto de Lei de autoria do vereador Aldair de Linda após um homem embriagado atropelar uma criança na areia da praia de Itaipuaçu com um veículo do tipo aranha.

Não é raro flagrarmos motoristas inabilitados e até menores de idade conduzindo veículos nas areias das praias de Maricá, principalmente no período de festas e de férias escolares. Falta fiscalização para evitar que esses abusos possam vir a ferir alguém, como ocorreu há algum tempo, na praia de Itaipuaçu.

A proposta do vereador Aldair de Linda é restringir a circulação de veículos nas praias para apenas carros oficiais e de socorros (Defesa Civil e Corpo de Bombeiros). Para ele, a interpretação do Código de Trânsito Brasileiro (CTB, Lei 9.503/97) é equivoca. Segundo o CTB, as praias são abertas à circulação pública como vias terrestres. Para o vereador, as praias são como praças, lugares frequentados por pedestres para lazer e práticas desportivas.

O Projeto de Lei prevê que quem desobedecer as determinações previstas constituirá infração gravíssima, sujeito o infrator a pagar uma multa no valor de R$574,61, além do recolhimento do documento de habilitação e remoção do veículo.

Porém, falta fiscalização por parte da Guarda Municipal, que deveria realizar uma ação de conscientização com blitzes nas praias durante o verão, período em que mais se circula nas praias com esses tipos de veículos (Buggy, Aranhas e Quadriciclos).

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Um comentário em “Maricá: Perigo nas praias

  • 5 de fevereiro de 2016 em 20:50
    Permalink

    E oque os senhores responsáveis por itaipuaçu iram fazer com essas ruas todas esburacadas?
    Meu IPTU, IPVA já foram pagos e nada.
    Tomem vergonha e façam a parte de vcs senhores administradores.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline