Maricá, RJ, leva nota 10 no ranking da transparência

Pior resultado foi Carmo, seguido de Aperibé e Macuco. No Norte Fluminense o melhor resultado foi de Bom Jesus de Itabapoana.

O Ministério Público federal (MPF) divulgou nesta quarta-feira (8) o resultado do Ranking da Transparência que avalia o quanto os municípios e estados brasileiros são transparentes no uso do dinheiro público e ações dos governos. No interior do Rio, entre os destaques da pesquisa estão Macaé, que manteve a nota 10 que já tinha ganhado no ano passado, Nova Friburgo, que subiu de 1,40 para 10, e Maricá, que subiu de 7,90 para 10.

Já o pior resultado do interior foi Carmo, na Região Serrana. O município ganhou nota 0 no ranking. No ano passado, a cidade tinha conquistado 0,07. Macuco e Aperibé também caíram na avaliação, ficando com nota inferior a 1.

Segundo o MPF, o Índice Nacional da Transparência ficou em 5,15. No ano passado, o número foi de 3,92. Entre os 92 municípios que participaram do ranking, a primeira posição ficou com Duque de Caxias, com a nota 10, e a última foi ocupada por Rio das Flores, que obteve 0 em todas as avaliações.

Rio das Ostras, Arraial do Cabo e Silva Jardim não evoluíram na avaliação e tiveram resultados inferiores do ano passado. Mas São Pedro da Aldeia, Cabo Frio e Armação dos Búzios melhoraram os resultados.

Booking.com

Redação Maricá Info

Levamos até você um jornalismo crítico, com imparcialidade e independência editorial. Aqui você tem voz, participe! Envie sugestões de reportagem e denúncias para o nosso Whatsapp: (21) 99621-9049.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *