Vereadores repercutem chegada das 15 viaturas em Maricá

A chegada das 15 viaturas que farão parte do convênio entre Prefeitura de Maricá e Polícia Militar foi bastante debatida durante sessão ordinária nesta quarta-feira (4) na Câmara Municipal de Maricá. Os parlamentares elogiaram a iniciativa do Executivo em firmar a parceria visando inibir o crescimento dos índices de criminalidade. Nesta quarta-feira as 15 viaturas chegaram à cidade. Os policiais que farão a segurança de Maricá já estão desde a última segunda-feira (2) fazendo o policiamento no município.

O vereador Rony Peterson (PR) lembrou da preocupação e sensibilidade do Executivo em investir em segurança pública. Ele pediu a participação e compreensão na população nesse processo. Ele agradeceu à prefeitura por colocar São José de Imbassaí no plano para receber um módulo de segurança.
“Tivemos um evento magnífico. O Proeis começou na segunda-feira. São viaturas patrulhando a cidade com mais 30 policiais militares. O dobro do efetivo que é empregado no policiamento da cidade. Acredito que esse foi um passo fantástico do nosso prefeito que vem fazendo um governo de detalhes”.

O presidente da Casa, Aldair de Linda (PT), elogiou o trabalho que vem sendo realizado por Celso Netto, secretário de Segurança.
“O secretário Netto tem feito um brilhante trabalho. Ele está organizando. Quando se coloca na posição de secretário de Segurança, ele tem que mudar trânsito, mandar multar, organizar cidade, é isso um trabalho árduo. O Netto vem nessa função árdua de organizar o município”.

Marcinho da Construção (DEM) lembrou que na última sessão pediu mais segurança no entorno das escolas e ficou feliz em saber que as unidades escolares serão contempladas com o policiamento. Marcinho aproveitou para pedir atenção quanto ao córrego no Beira Rio. Ele explicou que estão despejando pneus no local.
“Com a ação e sabendo que o Proeis já está em nossa cidade e hoje encontramos um grande número de policiais nas ruas. Em conversa com o comando soube que os bairros vão receber o reforço e isso nos deixa muito feliz porque o governo tem tido um cuidado com o que é prioridade.

Ricardinho Netuno (PEN) também falou sobre a chegada das viaturas. Ele pediu que o Proeis seja estendido a Polícia Civil também.
“A gente vê a imprensa publicando violência na cidade inteira. Eu fui um dos vereadores que pediu celeridade na assinatura desse convênio para que o Proeis saísse do papel. Com os policiais vamos sobrecarregar a delegacia. Sabemos que é a Polícia Civil que vai elucidar os crimes. Peço que ajude também a Civil dessa cidade que crie o Proeis para eles”.

O vereador Tatai (PTB) elogiou o trabalho do secretário de Segurança, Celso Netto, e lembrou que Santa Paula será o primeiro lugar a receber o módulo.
“Na segunda teve operação lá. Polícia para todo lado. Uma sensação maravilhosa de policiamento ostensivo. Levamos uma retroescavadeira onde tem divisa com Santa Isabel e abrimos uma vala. Claro que não vai evitar que eles passem, mas uma dificuldade é sempre bom. Hoje chegaram mais de dez viatura. Em santa Paula teremos o primeiro módulo de segurança”.

O vereador Dr. Richard (PT) parabenizou a prefeitura pelo recebimento das viaturas e aproveitou para comentar que a cidade receberá R$ 6 milhões em emenda adquirida por meio da deputada federal, Benedita da Silva. Desses R$ 6, mais de R$ 3 milhões serão para a saúde e mais de R$ 2 milhões irão para o esporte.
“Gostaria de parabenizar o prefeito, o secretário de Segurança, os oficiais da PM e a nossa Guarda Municipal. Quero dizer que o projeto é de grande valia. Mas, esquecemos de dizer sobre a cereja do bolo. Em Niterói e Macaé o patrulhamento é feito a pé. Aqui teremos viaturas”.

Robgol (PT) também agradeceu pela chegada das viaturas e pediu atenção quanto às pessoas vivem em situação de rua.
“Em nossa cidade há 25 anos andávamos tranquilos e hoje temos medo. Com essas viaturas e os policiais, tenho certeza que teremos mais tranquilidade. Quero tratar dos moradores de rua que estão invadindo a cidade. Acho que temos que nos mobiliar para ajudar essas pessoas. É muito fácil chamar de cachaceiro e drogados. Às vezes é problema de família, desemprego”.
Dr. Richard informou a Robgol que está sendo estabelecida a Secretaria de Políticas Inclusivas para tratar dessas questões.

Frank Costa (SDD) falou da importância de investir em segurança.
“Hoje participamos do evento da assinatura do convênio que estará trazendo às ruas mais 30 policiais para a segurança do nosso município”.

O líder do Governo, Fabrício Bittencourt (PTB), esclareceu ainda que a prefeitura ficará responsável por fazer a manutenção nas viaturas da PM que deveriam ser mantidas pelo Estado. Ele acrescentou ainda que uma tipo de Proeis para a Guarda para a Polícia Civil. Ele acrescentou que os policiais civis e militares receberão também gratificação.
“O contrato prevê 100 homens por dia. A partir de semana que vem serão 40 policiais, serão mais 10 do BPRv. Chegaram 15 viaturas. É muita viatura. A PM em Maricá nunca trabalhou com tanta viatura. Se não me engano eram nove viaturas para a cidade inteira. Também está sendo construído o canil da Guarda no Bananal”.

Marcus Bambam (PV) falou brevemente da segurança e ainda pediu respeito entre os vereadores. Ele pediu que alguns parlamentares tenham mais responsabilidade ao falar à tribuna.
“É uma realidade no nosso município. Os maricaenses vão dormir mais tranquilos. Temos que respeitar voto e não subir à tribuna para falar coisas para diminuir governo. Temos 90% de aprovação. Temos que respeitar a população que votou nesse governo”.

Felipe Auni (PSD) falou da responsabilidade com a segurança que está sendo assumida pela prefeitura.
“Quero falar desse programa estadual, mas quem está pagando é o município. São 30 policiais, vai aumentar, ou seja, vamos trazer uma segurança maior para nossa população.

Infraestrutura e Saúde – Ismael Breve (DEM) pediu para a presidência encaminhar ofício a Enel pedindo ajustes em postes situados em Ponta Negra e Jaconé. Eles estariam em péssimo estado de conservação.
“Queria pedir requerimento urgente para a Enel. Tem um poste próximo a entrada de Jaconé. Ele é de madeira, está queimado e corroído por insetos. Queria pedir troca de postes”.

Auni falou sobre segurança explicando que alguns postos terão funcionamento 24 horas por dia.
“Quero falar das unidades de 24 que poderemos ter em Maricá. Nós vamos ter e isso está na PPA da saúde. Teremos o 24 horas em Ponta Negra.”

Ordem do Dia – Na sessão dessa quarta-feira (4) foi votado em segundo turno projeto de lei do Poder Executivo que cria o Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico (Comdeco).

Foi votado em segundo turno Projeto de Resolução de autoria do vereador Felipe Auni que propõe alteração do trâmite proposto nos requerimento apresentados na Casa. O projeto prevê celeridade na análise desses documentos. Assim que aprovado em segundo turno, esses requerimentos não precisarão ser despachado pelo plenário, desonerando as pautas de deliberações das sessões. Agora os requerimentos serão escritos e dependerão da deliberação da Mesa Diretora.

Ao parlamentares votaram parecer que denomina a passarela do samba como Adélia Breve. Ismael Breve, irmão da homenageada, agradeceu pela homenagem. Felipe Auni (PSD) explicou que o parecer em forma de substitutivo é para definir o local da passarela do samba. A área está sendo definida ainda.
“Acho que seria pertinente colocar uma estátua. Quem lembra de Adélia lembra que a expressão dela era de alegria e Carnaval. Sugiro uma estátua ou um busco. É importante que quem adentrar vai entrar com alegria”, opinou Aldair de Linda (PT).

Foi votado parecer que dispõe sobre a instituição do Dia do Artesão e Artistas no município. os vereadores votaram também parecer que dispõe sobre a prática de educação física adaptada.

Também foi votado parecer que propõe a criação do Salão Municipal de Exposição de Animais Domésticos e fomento da cadeia produtiva do setor pet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline