Início Meio Ambiente Maricá: Lixão abandonado é perigo para a saúde pública

Maricá: Lixão abandonado é perigo para a saúde pública

Da redação | João Henrique – Após o fechamento do lixão do Caxito há cerca de seis meses, a Prefeitura de Maricá assumiu que fiscalizaria o local 24 horas com Guardas Municipais, porém, não foi isso o que a nossa equipe de reportagem encontrou quando chegou ao local na tarde desta quarta-feira (11).

Milhares de toneladas de lixo ainda estão no local causando um grande risco para os moradores do bairro onde está localizado. Há cerca de cinco quilômetros do Centro de Maricá, o lixão fica no Caxito, porém, encontra-se fechado e abandonado.

Lixão do Caxito está abandonado e oferece risco à saúde pública. (Foto: Maxuel Moura | MaricáInfo.com)
Lixão do Caxito está abandonado e oferece risco à saúde pública.
(Foto: Maxuel Moura | MaricáInfo.com)

Não há fiscalização alguma. O lixo continua lá, intacto. A prefeitura fechou o lixão por determinação Federal e agora, todo o lixo produzido pela cidade está sendo levado para Itaboraí.

O local deveria ter a área recuperada, isso é o que prometia o secretário municipal de Meio Ambiente de Maricá, Alessandro Terra. Segundo ele, todos os esforços estão concentrados na execução de um Plano de Controle e Remediação do Solo, em parceria com o Instituto Estadual do Ambiente (Inea). Terra disse ainda que a prefeitura pretende transformar a área em um grande parque dedicado a esportes radicais.

Queimada em lixão apresenta sérios riscos à saúde pública. Fumaça inalada pode causar infecção respiratória severa. (Foto: Maxuel Moura | MaricáInfo.com)
Queimada em lixão apresenta sérios riscos à saúde pública. Fumaça inalada pode causar infecção respiratória severa.
(Foto: Maxuel Moura | MaricáInfo.com)

Perigo

O lixão abandonado coloca a vida de centenas de moradores que moram na redondeza em risco. Além do problema de saúde causado pela contaminação do solo através do chorume, o risco de queimadas é um sinal amarelo para quem mora na localidade.

Chorume do lixo pode ter contaminado o lençol freático da região. (Foto: Maxuel Moura | MaricáInfo.com)
Chorume do lixo pode ter contaminado o lençol freático da região.
(Foto: Maxuel Moura | MaricáInfo.com)

Ao chegarmos ao local havia diversos pontos de incêndios, que não existiriam se realmente a área fosse vigiada pela Guarda Municipal. O lixão funcionou ilegalmente por 16 anos e recebia todo o lixo da cidade de Maricá levado pelas empresas com contratos com a Prefeitura Municipal.

O Poder Público Municipal chegou a anunciar que faria um centro de reciclagem no local, porém, até agora nada foi feito e o lixão continua lá, contaminando o solo e colocando em risco a saúde e a vida da população.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor colocar seu nome aqui